Hugo Correia/Reuters
Hugo Correia/Reuters

Aimar deixa a aposentadoria para atuar com o irmão na Copa da Argentina

Aposentado há quase três anos, Pablo vai jogar ao lado de Andrés Aimar pelo pequeno Estudiantes de Río Cuarto

Estadão Conteúdo

17 Janeiro 2018 | 19h22

Quase três anos após anunciar sua aposentadoria dos gramados, o meia Pablo Aimar voltará a disputar uma partida profissional na próxima terça-feira. O veterano de 38 anos vai reforçar o pequeno Estudiantes de Río Cuarto, onde atua seu irmão Andrés, na primeira fase da Copa da Argentina, contra o Sportivo Belgrano San Francisco.

+ Diego Costa marca, mas Atlético leva virada do Sevilla na Copa do Rei

O próprio Aimar confirmou nesta quarta-feira a informação, depois de participar do treino do time da pequena cidade na província de Córdoba. O meia não atua desde que anunciou sua aposentadoria pelo River Plate, em 2015, e admitiu que esta deverá sua despedida oficial dos gramados.

"Vim para jogar um pouco da partida com meu irmão, neste campo. É lindo isto. Vou jogar pelo Estudiantes, muito provavelmente vai ser minha última partida e estou feliz que não seja um amistoso. A minha ideia era essa, jogar por algum objetivo. Sem desafios, não podemos existir", comentou.

Aimar foi um dos grandes nomes do futebol argentino no início dos anos 2000. Formado justamente nas divisões de base do River, o meia vestiu as cores de Valencia, Zaragoza, Benfica e Johor FC, da Malásia, antes de retornar ao clube de Buenos Aires. Atrapalhado por lesões, no entanto, praticamente não atuou nesta volta e foi obrigado a deixar os gramados.

Mais conteúdo sobre:
futebol Pablo Aimar

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.