Divulgação/ ACG
Divulgação/ ACG

Ainda com treinador interino, Atlético-GO recebe Athletico-PR para encostar no G-4

Equipe goianiense quer alcançar terceira vitória consecutiva pelo Campeonato Brasileiro

Redação, Estadão Conteúdo

17 de outubro de 2020 | 14h33

O Atlético-GO quer mostrar que não sentiu a saída do técnico Vagner Mancini para o Corinthians e busca a segunda vitória seguida sob o comando interino de Eduardo Souza neste sábado às 19 horas, contra o Athletico-PR, no Estádio Olímpico Pedro Ludovico, pela 17ª rodada do Brasileirão.

Vindo de duas vitórias, o Atlético-GO está na nona colocação, com 21 pontos, e busca mais um resultado positivo para encostar no G-4. O time goiano venceu em casa o Red Bull Bragantino, por 2 a 1, e na última rodada surpreendeu o Santos na Vila Belmiro, ganhando por 1 a 0. O São Paulo é o quarto colocado, com 26 e dois jogos a menos.

Eduardo Souza tem problemas para o jogo. O lateral-esquerdo Nicolas pertence ao próprio Athletico-PR e não pode atuar por questão contratual, enquanto Gustavo Ferrareis e Everton Felipe estão contundidos. O primeiro também cumpre suspensão.

Na lateral, Natanael está confirmado. Já o substituto de Gustavo Ferrareis ainda não foi definido. O técnico pode adiantar Chico e colocar Matheus Vargas ou manter o sul-coreano no meio e escalar Matheuzinho entre os titulares.

Em relação ao treinador, a diretoria rubronegra está analisando alguns nomes, mas não tem pressa para anunciar o substituto de Vagner Mancini. Enquanto isso, o auxiliar-técnico fixo do clube, Eduardo Souza, segue no comando do time.

"Não me iludo. A gente vai trabalhar enquanto o clube achar que nós, da comissão técnica permanente, podemos ficar a frente e depois fazer a transição com o profissional que vier na sequência", disse o treinador interino.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.