Ainda em recuperação, Dedé renova contrato com o Cruzeiro

Zagueiro jogou somente cinco partidas em 2017

Estadão Conteúdo

13 de dezembro de 2016 | 16h41

Mesmo praticamente sem entrar em campo neste ano, o zagueiro Dedé teve seu contrato com o Cruzeiro renovado nesta terça-feira. O defensor de 28 anos tinha vínculo até abril de 2017, mas agora estendeu o contrato até 31 de dezembro de 2018.

Dedé jogou pouco neste ano, somente cinco partidas, no Campeonato Mineiro, quando voltou a sofrer com lesão no joelho direito. Somente neste ano ele foi submetido a duas cirurgias no local. Por essa razão, passou a maior parte da temporada em tratamento.

O zagueiro, contudo, estava próximo do fim do seu vínculo, o que abriria a possibilidade de acertar pré-contrato com outros clubes. Diante deste risco, o Cruzeiro decidiu estender o vínculo até 2018.

"É muito importante para nós, do Cruzeiro, conseguir a renovação com o Dedé, um jogador que já marcou história e é ídolo do clube. Ele sofreu nos últimos anos com contusões, mas tenho certeza que ele vai recuperar seu futebol aqui. Foi um desejo mútuo tanto dele quanto do Cruzeiro que ele permanecesse", declarou o vice-presidente de futebol do Cruzeiro, Bruno Vicintin.

Com a sequência de lesões, Dedé não atua com regularidade há dois anos. Neste ano, foram apenas cinco jogos. Em 2015, o zagueiro nem entrou em campo. "Estou feliz agora, porque tenho uma história muito bonita no Cruzeiro, apesar de dois anos de contusão. Quero dar continuidade nesta história, fazer mais coisas bonitas nestes dois anos que ficarei aqui, sem nenhuma contusão", declarou Dedé.

O zagueiro garantiu que está se recuperando bem e que não deve ter problemas para iniciar a temporada com o grupo em 2017. "Estou tendo resposta muito boa na recuperação. Estou empolgado para que 2017 chegue logo e eu esteja 100%. Quero dar meu melhor na próxima temporada e ajudar o clube com títulos", declarou.

Dedé chegou ao Cruzeiro em 2013, vindo do Vasco. E, apesar dos recorrentes problemas físicos, participou da conquista do bicampeonato brasileiro, em 2013 e 2014, e se sagrou campeão mineiro, em 2014.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolDedéVascoCruzeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.