Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF

Ainda sem Alex Sandro, Tite inicia preparação para final da Copa América

Seleção brasileira treina na Granja Comary nesta quarta-feira visando a decisão com a Argentina

Redação, Estadão Conteúdo

07 de julho de 2021 | 21h20

Ainda sem poder contar com Alex Sandro, o técnico Tite iniciou nesta quarta-feira a preparação da seleção brasileira para a final da Copa América, contra a Argentina, na noite de sábado. O lateral foi a campo na Granja Comary, em Teresópolis, mas treinou em separado.

Alex Sandro se recupera de uma lesão no músculo posterior da coxa esquerda, que o tirou das partidas contra Chile e Peru, as duas últimas do Brasil nesta Copa América. O lateral segue fazendo trabalho individual de fisioterapia, sem previsão de retorno. Ou seja, segue como dúvida para a final.

Se não puder mesmo jogar contra a Argentina, Alex Sandro deve ser substituído novamente por Renan Lodi, que tem características mais ofensivas e exigiria possível mudança tática em outros setores do time brasileiro. Nos treinos, a vaga de Alex Sandro vem sendo ocupada pelo jovem lateral Lucas Esteves, do Palmeiras.

Nesta quarta, os jogadores que foram titulares contra o Peru, na noite de segunda-feira, fizeram apenas trabalho físico com bola no gramado. Já os atletas que começaram aquela partida no banco de reservas fizeram duas atividades em campo reduzido. Tite orientou trabalhos táticos e técnicos fechados. Alex Sandro ficou de fora de ambas as atividades.

Sem o lateral, Tite poderá escalar a seleção com Ederson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Casemiro, Fred e Lucas Paquetá; Éverton Cebolinha, Neymar e Richarlison. O ataque não terá Gabriel Jesus, suspenso por dois jogos pela Conmebol por conta da jogada violenta que lhe custou um cartão vermelho na partida contra o Chile, pelas quartas de final.

Esta formação da seleção deverá ser testada no treino desta quinta-feira por Tite.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.