Reprodução/Twitter/@goiasoficial
Reprodução/Twitter/@goiasoficial

Ainda sem Rafael Moura, Goiás encara o Flamengo no Maracanã

Objetivo do time é iniciar uma boa sequência e alcançar a zona de classificação para a Copa Libertadores

Redação, Estadão Conteúdo

13 de julho de 2019 | 20h05

O Goiás está definido para enfrentar o Flamengo neste domingo, às 11 horas, no Maracanã. O técnico Claudinei Oliveira contará com os atacantes Michael e Kayke. Ambos foram preservados do jogo-treino contra o Racing, do Uruguai, mas treinaram normalmente durante a semana e vão para o jogo.

O meia Léo Sena foi outro a ser liberado pelo departamento médico. O jogador se recuperou de uma lesão muscular e ficará como opção no banco de reservas, com o intuito de ser aproveitado no decorrer da partida. O meio de campo será formado por Geovane, Yago Felipe e Giovanni Augusto.

"É jogo a jogo. Se a gente ganhar do Flamengo nós passamos na frente dele. Nós estamos indo jogo a jogo. Com a vitória do Athletico-PR nós conseguimos uma colocação boa. Nós temos que buscar mais coisas. Tenho que mobilizá-los para buscar cada vez mais e acreditarem que podem ganhar todos os jogos se fizerem o que estão fazendo, mas podem perder os jogos se mudarem o comportamento. Nós temo condições de ficarmos na parte de cima da tabela. Não estamos prometendo nada. Nós temos que fazer jogo a jogo", disse Claudinei Oliveira.

Quem ainda não poderá reforçar a equipe é o atacante Rafael Moura. Contratado na última sexta-feira, o jogador ainda precisará de um tempo de adaptação para poder estar 100% fisicamente.

Com 15 pontos na tabela de classificação, o Goiás luta pela parte de cima. O grande objetivo é alcançar uma vaga na Copa Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.