Lucas Uebel/Grêmio
Lucas Uebel/Grêmio

Ainda sem ser vazado, Julio César divide méritos com conjunto do Grêmio

Goleiro, ex-Fluminense, foi titular em três das sete partidas desta temporada

Redação, Estadão Conteúdo

19 de fevereiro de 2019 | 21h22

Contratado para esta temporada para disputar com Paulo Victor a vaga que era de Marcelo Grohe, Julio César vive ótimo início no Grêmio. Titular em três das sete partidas disputadas pelo time na temporada, o goleiro não sofreu nenhum gol nos 270 minutos em que atuou. Satisfeito com a marca, ele dividiu os méritos com todo o conjunto tricolor.

"Isso demonstra a qualidade dos jogadores que vem jogando, independente da rotação que o Renato (Gaúcho) tem feito. Todos que tem entrado, tem atuado muito bem, feito grandes jogos. E sem dúvida que não pode ser valorizada só a parte defensiva, porque a nossa defesa se inicia no ataque e os nossos atacantes tem colaborado muito com isso. É um conjunto que tem trabalhado bem", declarou nesta terça-feira.

Ao menos momentaneamente, o técnico Renato Gaúcho tem adotado o rodízio no gol gremista e escalou Paulo Victor nas outras quatro partidas da equipe, com apenas um gol sofrido. Julio César elogiou a qualidade de seu concorrente e descartou qualquer incômodo com a indefinição de um titular.

"A equipe do Grêmio pode fazer (o rodízio). Tem um treinador extremamente qualificado, que sabe gerir isso. No Benfica, tínhamos isso, alguma rotatividade com relação ao Campeonato Português e às ligas europeias, nos dava uma rotatividade maior. Todos tinham que estar sempre bem, traz uma competitividade grande nos treinamentos. Não pode relaxar, abaixar a cabeça, tem que estar pronto para fazer grandes jogos", apontou.

Julio César e o elenco gremista se reapresentaram nesta terça-feira, no CT Presidente Luiz Carvalho, após folga na segunda. Por mais que ainda não tenha esboçado a equipe, Renato deve levar o que tem de melhor para a próxima rodada do Gaúcho, segunda-feira, diante do Veranópolis, na Arena.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Grêmiofutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.