REUTERS/Matthew Childs
REUTERS/Matthew Childs

Al Ahly derrota Monterrey e será o adversário do Palmeiras no Mundial de Clubes da Fifa

Mesmo desfalcado, equipe egípcia derrota mexicanos e vai disputar vaga na final contra time brasileiro

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de fevereiro de 2022 | 15h40

O surpreendente Al Ahly, do Egito, derrotou o Monterrey-MEX por 1 a 0 na tarde deste sábado e garantiu a classificação para a semifinal do Mundial de Clubes da Fifa contra o Palmeiras. Mesmo sem seis jogadores titulares, o time egípcio conseguiu estrear com vitória e enfrentará o time brasileiro na próxima fase, na próxima terça-feira. 

A segunda partida do Mundial de Clubes teve presença em peso da torcida egípcia do Al Ahly, que fez bela festa no estádio Al Nahyan. O público presente foi de 9.396 torcedores. O time africano superou uma longa lista de desfalques para se classificar neste sábado. Além dos lesionados, o time tem seis atletas que estão com a seleção do Egito para a disputa da final da Copa Africana de Nações neste domingo. 

O primeiro tempo foi eletrizante, com muitas chances de gol. A intensidade da partida foi alta desde os primeiros segundos, com o Monterrey tentando pressionar os campeões africanos. Mas as melhores chances foram do Al Ahly, que mostrou muita velocidade nos contra-ataques. Na primeira boa chance, Al Sharat recebeu com muito espaço no ataque, driblou o zagueiro e ficou na cara do gol, mas finalizou em cima do goleiro Andrada, do Monterrey.

Os egípcios levaram susto aos 13 minutos, com uma cobrança de falta feita por Meza, que bateu no lado de fora da rede. O Monterrey seguiu pressionando muito os adversários, empilhando lances de perigo, mas o aguerrido Al Ahly apostava nos contragolpes e também conseguiu boas investidas. Os comandados de Pitso Mosimane pecaram nas finalizações. Em uma delas, Taher bateu firme, mas Andrada conseguiu encaixar. A resposta mexicana veio com chutes perigosos de González e Vegas de fora da área. O duelo foi para o intervalo empatado.

O gol, que não apareceu durante todo o primeiro tempo, finalmente saiu logo aos 7 minutos da etapa final, marcado pelo time egípcio. O Al Ahly chegou na linha de fundo com Maâloul e cruzou para a área. Andrada tirou de soco e o lateral Hany encheu o pé de primeira para marcar 1 a 0. 

Após o gol, o Monterrey foi para a pressão no ataque. Poucos minutos depois, Meza quase empatou de cabeça, mas Ali Lofti defendeu com a ponta dos dedos. Como era de se esperar, o Monterrey não demorou para fazer substituições após ficar em desvantagem e se lançou ao ataque para pressionar o adversário. O Al Ahly conseguiu endurecer a marcação e as chances claras de gol, que estavam tão frequentes, deixaram de aparecer, com o 1 a 0 permanecendo até o apito final.

Agora o Al Ahly se prepara para enfrentar o Palmeiras na terça-feira, às 13h30. Os dois clubes se encontraram na última edição do torneio, quando disputaram o terceiro lugar. Na ocasião, o Al Ahly venceu nos pênaltis após empate sem gols no tempo normal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.