Al Hilal é campeão com oito brasileiros

Os brasileiros continuam fazendo muito sucesso no riquíssimo futebol do mundo árabe. No último final de semana, o Al Hilal Al Saudi Club - um dos clubes mais populares da Arábia Saudita - conquistou o título da Copa do Rei. Na comissão técnica, o coordenador-técnico João Paulo Medina (ex-Palmeiras, São Paulo, Santos e Seleção Brasileira), o técnico Marcos Paquetá (ex-Seleção Brasileira sub-20), o preparador físico Manoel Barrionuevo e o treinador de goleiros Wagner Andrade. No time, o meia Marcelo Camacho (ex-Botafogo do Rio) e o zagueiro Marcelo Tavares (ex-Avaí). Da comissão técnica ainda fazem parte os fisioterapeutas Pernambuco e Nogueira.Na finalíssima, o Al Hilal Al Saudi Club venceu o Shabab (clube que já foi dirigido, entre outros técnicos, por Felipão, Vanderlei Luxemburgo e Joel Santana) por 1 a 0 - gol marcado por Camacho, de falta, aos 12 minutos do segundo tempo.Vencer a Copa do Rei, segundo conta o professor João Paulo Medina, foi a coroação do trabalho da equipe formada por tantos brasileiros, já que é a quarta conquista seguida do clube na temporada de 2005 - as outras foram a Copa da Paz, a Copa Príncipe Faiçal e a Copa do Vice-Rei, todas envolvendo os principais clubes do mundo árabe."A festa aqui foi incrível, já que a torcida é grande e há muito tempo não conseguia comemorar tanto", contou Medina, um veterano em campanhas com equipes e seleções árabes, já tendo trabalhado lá ao lado de treinadores como Minelli e Candinho, mais recentemente.Na Copa Árabe dos clubes campeões, a equipe ficou em terceiro lugar. Em cinco competições disputadas, o Hilal conquistou quatro. É a primeira vez que isso acontece em 47 anos de história do clube, um dos mais populares da Arábia Saudita. Desde 2003 a equipe não conquistava nenhum campeonato. O jogo final foi realizado no Estádio King Fahd e foi assistido por mais de 50 mil pessoas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.