Al Sadd vence e fica em terceiro no Mundial de Clubes

Campeão asiático, o Al Sadd venceu o Kashiwa Raysol, que detém o título japonês, por 5-3 nos pênaltis, na disputa do terceiro lugar do Mundial de Clubes, neste domingo, após um empate sem gols no tempo normal.

REUTERS

18 de dezembro de 2011 | 14h20

Nadir Belhadj concluiu a cobrança decisiva, após o esforço do goleiro Ryohei Hayashi de defender o chute, e que completa um ano excelente para o Catar, escolhido como sede da Copa do Mundo de 2022 em dezembro do ano passado.

O Kashiwa Reysol atacou durante boa parte do tempo, em uma partida movimentada, apesar de ter realizado um jogo equilibrado contra o Al Sadd.

Com muitas finalizações para fora, Ibrahim Majid chegou perto de marcar para o time do Catar em um chute aos 19 minutos do segundo tempo.

Na final em Yokohama, o Barcelona, campeão europeu, venceu o Santos, campeão da Taça Libertadores da América, por 4-0 e conquistou o título do Mundial de Clubes.

(Por Alastair Himmer)

Tudo o que sabemos sobre:
FUTMUNDIALTERCEIRO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.