Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Alberto diz que boa fase do Palmeiras é mérito apenas dos jogadores

Técnico destaca vontade demonstrada pelos atletas e minimiza sua importância

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

19 de maio de 2014 | 07h59

SÃO PAULO - O técnico interino Alberto Valentim mostrou muita empolgação após o jogo em que o Palmeiras derrotou o Vitória por 1 a 0 neste domingo, em Salvador, pelo Campeonato Brasileiro. O treinador, esbanjando sinceridade, disse que tem poucos méritos na boa fase da equipe e que o responsável pela mudança do time é o grupo de jogadores. 

"Mais uma vez houve uma entrega de todo mundo. Todos têm mostrado muita humildade, com espírito de equipe. Fazemos tudo junto. Na hora de atacar, vai todo mundo e na hora de defender, todos se mostram guerreiros", disse o treinador que venceu os três jogos em que comandou o Palmeiras.

Alberto assegura que o discurso não é apenas "da boca para fora". Ele realmente acredita que não tenha feito tanta diferença. "Eu faço parte do grupo, como toda a comissão técnica. Sou muito novo para ficar enganando e não é falsa humildade, mas realmente o mérito é deles (jogadores). Quando está todo mundo querendo, as coisas dão certo", disse ele. 

Com o resultado, o Palmeiras chegou aos nove pontos e a sexta colocação, sendo o melhor time paulista classificado. O embalado time alviverde volta a campo para enfrenta o Figueirense, quinta-feira, em Araraquara.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasFutebolVitóriaBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.