José Tramontin/Athletico-PR
José Tramontin/Athletico-PR

Alberto Valentim inicia preparação para 'missão quase impossível' do Athletico-PR

Treinador admite que a missão de reverter o placar adverso de 4 a 0 do primeiro duelo, em Belo Horizonte, é muito difícil de ser realizada

Redação, Estadão Conteúdo

13 de dezembro de 2021 | 19h18

O técnico Alberto Valentim iniciou, nesta segunda-feira, a preparação do Athletico-PR para o duelo de volta com o Atlético-MG, a ser disputado nesta quarta-feira, às 21h30, na Arena da Baixada, em Curitiba. O treinador admite que a missão de reverter o placar adverso de 4 a 0 do primeiro duelo, em Belo Horizonte, é muito difícil de ser realizada.

"Lógico que temos que ser realistas, que é muito difícil nós revertermos na Arena. Temos que tentar vencer sim, utilizar a força da nossa casa, para que a gente ganhe lá, sim, para fazer uma outra grande partida dentro da Arena", disse Valentim.

Além da necessidade de devolver uma goleada, o técnico ainda não poderá contar com o zagueiro Thiago Heleno, um dos líderes do elenco, que vai ter de cumprir suspensão. Em compensação, o lateral-direito Khellven estará à disposição para disputar a partida decisiva.

Se conseguir a 'virada', o Athletico-PR vai obter o maior resultado já registrado em finais da Copa do Brasil, torneio disputado desde 1989, pois o placar de 4 a 0 imposto pelo Atlético-MG foi o mais elástico em decisões desta competição.

O Athletico-PR lutou contra o rebaixamento no Brasileirão por ter concentrado suas atenções na Copa do Brasil e na Copa Sul-Americana, torneio no qual se tornou o primeiro time brasileiro a somar dois títulos, após vencer o Red Bull Bragantino na final. Um novo título na Copa do Brasil coloca a equipe paranaense, que foi campeã em 2019, no hall das maiores do País.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.