Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Alberto Valentim promete manter Palmeiras ofensivo contra o Vitória

Interino diz estudar detalhadamente os adversários antes de cada jogo

Daniel Batista, O Estado de S. Paulo

16 de maio de 2014 | 19h57

SÃO PAULO - Não é novidade que Alberto Valentim é apenas um treinador interino do Palmeiras e deixará o cargo assim que um novo técnico for contratado. Embora exista uma corrente - inclusive de parte dos jogadores - que defende sua efetivação no cargo, a diretoria palmeirense nem cogita a possibilidade no momento. Apesar disso, o ex-lateral curte a boa fase e mostra muito trabalho. Um deles é estudar detalhadamente os adversários antes de cada jogo.

"Eu estudo bastante o adversário. O Fernando (Miranda, preparador de goleiros e que tem atuado também como auxiliar de Alberto) e eu já vimos as últimas três partidas do Vitória. Procuro, pelo desenho do adversário e dentro daquilo que eu penso também, unir as duas coisas", disse o interino, já pensando no jogo deste domingo, em Salvador.

Mostrando que realmente já pensa como um treinador, Alberto deixa claro que não fica apenas pensando no adversário. "Não posso ficar pensando só no jeito do Vitória jogar e não levar os nossos melhores jogadores", completou o interino.

Contra o time baiano, Alberto garante que vai manter a formação ofensiva, embora jogue fora de casa. "A gente não vai jogar com a defesa lá atrás. Já é, pelos jogadores, um time ofensivo, que toca a bola e tem bons atacantes", explicou o atual comandante palmeirense.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasAlberto Valentim

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.