Álbum oficial da Copa chega às bancas em 11 de abril

O álbum oficial da Copa do Mundo da África do Sul, produzido pela editora Panini, chegará às bancas brasileiras no dia 11 de abril. O preço oficial será de R$ 3,90, mas a empresa promete uma grande campanha publicitária para a distribuição gratuita de 3,5 milhões de unidades do livro ilustrado.

ANDRÉ RIGUE, Agência Estado

30 de março de 2010 | 16h23

No total, serão 640 cromos para o torcedor colecionar. O preço do envelope é de R$ 0,75 - cada um contém 5 cromos. Cada seleção ocupará duas páginas no livro ilustrado, com 19 figurinhas (são 17 jogadores, mais o escudo e o time posado). E todos os 32 países participantes da Copa do Mundo terão o mesmo espaço, para atender a um pedido da Fifa.

Na Copa de 2006, foram vendidos mais de 100 milhões de envelopes de figurinhas somente no Brasil - a comercialização só ficou abaixo da Alemanha, sede do Mundial. Agora, a expectativa da Panini é que os números sejam superados.

Durante o lançamento oficial do álbum, nesta terça-feira, em São Paulo, o presidente da Panini no Brasil, José Eduardo Martins, tentou explicar a inclusão de Ronaldinho Gaúcho entre os 17 jogadores da seleção brasileira. Segundo ele, o astro tem apelo com o público, apesar de não estar garantido na convocação que o técnico Dunga fará para a Copa na África do Sul.

"Temos de começar a impressão no começo do ano. Então, estudamos para ver quais atletas têm mais chances de serem convocados. O índice de erro é pequeno. Agora imagina como ficaria esse álbum se o Ronaldinho fosse convocado e não estivesse lá. Ele é uma personalidade mundial", afirmou o presidente da Panini.

"São apenas 17 jogadores que aparecem na relação. Não são as escalações oficiais, mas sim a dos jogadores que têm mais chance de estar no Mundial", completou o assessor da Divisão de Futebol da Panini, Vilson Manfrinati, ao justificar a inclusão de Ronaldinho Gaúcho no álbum.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopaálbum de figurinhas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.