Alejandro Sabella se diz pronto para pressão de dirigir Argentina

Técnico estreia no comando da equipe no amistoso contra a Venezuela, na próxima sexta

AE, Agência Estado

30 de agosto de 2011 | 08h49

NOVA DÉLHI - Novo treinador da seleção da Argentina, Alejandro Sabella nacional disse que sente o peso da expectativa de melhorar performances da equipe, a partir do amistoso contra a Venezuela, em Calcutá, na sexta-feira, que marcará a sua estreia no comando da equipe.

"É um jogo extremamente importante tanto para mim como para a equipe", disse Sabella, em uma entrevista publicada no jornal The Times, da Índia, nesta terça-feira. "Há enormes expectativas sobre nós", afirmou. "É uma grande responsabilidade".

Sabella assumiu o comando da Argentina após a demissão de Sergio Batista, que perdeu o cargo após a eliminação da seleção nas quartas de final da Copa América diante do Uruguai, que se tornaria posteriormente campeão do torneio.

O amistoso de sexta-feira marcará o primeiro jogo do astro Lionel Messi como capitão da Argentina. "Messi é um jogador de nível mundial e estou confiante que ele vai se sair bem pela seleção", disse Sabella. "Nós temos uma boa equipe e se todos estiverem em forma, estamos confiantes em obter um bom resultado", acrescentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.