Alemanha chega cercada de proteção a hotel de Genebra

A seleção alemã chegou neste domingo, pouco depois do meio-dia local, ao hotel La Reserve, em Genebra, na Suíça, cercada de um forte esquema de segurança para iniciar sua preparação de 10 dias antes de voltar em definitivo para o território alemão. O time de Jürgen Klinsmann fará dois treinos por dia no Estádio de Genebra, quase todos eles secretos e todos fechados ao publico. Um dos assessores de imprensa da equipe, Harald Stenger, controlava a entrada de jornalistas e fotógrafos na frente do hotel. ?Você esta hospedado aqui?? perguntou o assessor à reportagem do Estado. Com a resposta negativa, o encarregado não teve duvidas: ?Stay out! (Fique fora!)? Toda esta segurança e justificada por Klinsmann e seu auxiliar-técnico, Joachim Löw, como essencial para dar um pouco de tranqüilidade ao grupo, a 19 dias do inicio da Copa do Mundo. Até a estréia contra a Costa Rica, em Munique, os 23 convocados de Klinsmann vão treinar 1980 minutos, segundo levantamento do jornal alemão Bild. Os primeiros 60 minutos serão realizados neste domingo, no primeiro treino em território suíço. O esquema de segurança alemão alterou as normas no estádio da cidade. Os portões transparentes do local foram cobertos por dentro para impedir que o coletivo seja assistido. Segundo Löw revelou ao Bild ainda na Sardenha, a preparação em Genebra vai dar os ajustes necessários ao esquema de Klinsmann. ?Vamos trabalhar o grupo no setor defensivo e ofensivo, vamos buscar o automatismo em algumas situacoes e estudar padrões de jogo?, afirmou. Conforto e modernidade O hotel fica numa das regiões mais bonitas da Europa, com uma vista excepcional do Lago de Genebra e a cerca de 15 minutos do estádio da cidade. O ônibus oficial que a seleção usara durante a Copa já está no hotel e deve ser utilizado para levar os alemães de volta ao seu pais, além de transportar o grupo em Genebra . Segundo Oliver Bierhoff, diretor da seleção, a Alemanha escolheu Genebra para sua fase final de preparação porque o estádio da cidade, construído para a Eurocopa de 2008, e muito moderno, com uma grande estrutura de fitness, e fica a 15 minutos da concentração alemã, no La Reserve. ?Claro que teremos a participação da mídia aqui, mas será muito mais calmo do que na Alemanha. Além do que, poderemos andar tranqüilamente, sem sermos notados, pelo centro de Genebra?, revelou Bierhoff, em entrevista à revista alemã Player. A chegada do ônibus da seleção ao hotel comprovou a tese da comissão técnica. Vários hospedes perguntavam o que acontecia na entrada para provocar tanto tumulto. ?Quem são eles?? perguntou uma suíça aos repórteres e fotógrafos que estavam no estacionamento do hotel. Quando soube, tratou de avisar seu amigo, que mostrou espanto e curiosidade.

Agencia Estado,

21 Maio 2006 | 15h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.