Alemanha terá gratificação alta para os jogadores da Euro 2008

Federação poderá pagar até 250 mil euros para cada atleta, caso eles conquistem o título da competição

EFE

20 de maio de 2008 | 12h21

A federação alemã de futebol pagará 250.000 euros para cada jogador caso a Alemanha conquiste o título Eurocopa 2008, a ser disputada entre 7 e 29 de junho na Áustria e na Suíça. A informação foi dada pelo ex-jogador Oliver Bierhoff, nesta terça-feira diretor da seleção, na concentração do grupo em Mallorca, na Espanha. O prêmio será dado não só pelo prestígio do título, mas também porque a vitória traria novas receitas à federação. O orçamento total aprovado pela organização para a Eurocopa chega a ser maior que os 16 milhões de euros destinados à Copa do Mundo de 2006, da qual foi sede. Com o terceiro lugar daquela competição, houve um lucro de 5,4 milhões. Bierhoff destacou que os altos investimentos na seleção têm justificativa: "Fico um pouco irritado quando dizem que gasta-se muito dinheiro na seleção", disse. Segundo cálculos da revista "Kicker", só a fase de preparação em Mallorca custa cerca de 800.000 euros, enquanto o quartel-general da Alemanha durante a Eurocopa, junto ao Lago Maggiore, na Suíça, gerará despesas de 900.000 euros. O deslocamento durante a Eurocopa terá custos de 500.000 euros. A idéia de alugar um helicóptero para observar partidas dos rivais foi desprezada porque, segundo Bierhoff, não traz vantagem alguma. Caso a Alemanha leve o título, as gratificações aos jogadores teriam um custo total de 5,75 milhões de euros, sem contar o pagamento ao técnico Joachim Löw e sua comissão técnica - cujo valor não foi divulgado.  

Tudo o que sabemos sobre:
seleção alemãEuro 2008

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.