Alessandro exalta clássico entre Botafogo e Flamengo

Invicto no Campeonato Carioca até o momento, o Botafogo tem difícil compromisso neste domingo, diante do Flamengo, pela semifinal da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca. A boa campanha de cinco vitórias e dois empates anima o elenco botafoguense, mas os jogadores admitem que o clássico será diferente das outras partidas da primeira fase da competição.

AE, Agência Estado

15 de fevereiro de 2011 | 12h42

"Um jogo desses mexe com qualquer jogador. Já disputei várias partidas contra o Flamengo, sempre procurei dar algo mais para fazer um bom jogo e conseguir a vitória. Tento me doar ao máximo para ter boas atuações. Espero que seja assim no domingo também", declarou o lateral Alessandro.

"Sabemos da rivalidade entre Botafogo e Flamengo. Dos dois lados, se não conseguir o resultado positivo, gera frustração. Mas o nosso pensamento é positivo, de trabalhar para buscar a vitória e ter mais tranquilidade", afirmou.

O jogador completou 200 jogos pelo clube carioca, onde está desde 2007, diante do Bangu, no último dia 2, e foi homenageado nesta terça-feira pela diretoria, que deu um quadro comemorativo ao lateral.

"Fico feliz de estar sendo homenageado pelos 200 jogos pelo Botafogo. Mas enrolaram para me entregar esse quadro (risos). É uma alegria enorme completar esta marca em um grande clube, algo difícil hoje em dia. É um momento especial para mim", disse Alessandro, lembrando que a homenagem foi feita com atraso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.