Alex Alves, em baixa na Alemanha

A estrela de Alex Alves não anda brilhando na Alemanha. As atuações do atacante brasileiro na atual temporada não agradam e lhe renderam críticas. A mais forte delas veio de Robert Schwan, veterano dirigente do Hertha Berlin e ex-presidente do conselho de orientação fiscal do clube. Em sua avaliação, conforme publicou a revista "Sport-Bild", a contratação do ex-jogador de Vitória, Palmeiras, Lusa e Cruzeiro foi um "fiasco". "Os observadores que mandamos para a América do Sul, na época da contratação de Alves, foram passear", afirmou Schwan. "Acho que se deixaram envolver pelo clima local. Só assim dá para justificar esse negócio", comentou, referindo-se aos US$ 7 milhões pagos pelo atleta, dois anos atrás. Schwan não poupa nem a si mesmo, ao recordar que na ocasião era presidente do conselho do Hertha e aprovou a compra do passe de Alex Alves. O brasileiro fez 4 gols em 15 jogos que disputou na atual temporada e nem sempre tem iniciado como titular. O Hertha está em sexto lugar no campeonato, com 43 pontos - seis atrás do líder Bayern Munique - e no fim de semana perdeu por 3 a 0 para o Energie Cottbus, time promovido no ano passado e que luta para não cair.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.