Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Alex e Rivaldo ajudam reservas a golear

Com a ajuda de Rivaldo e Alex os reservas do Cruzeiro venceram por 5 a 0 o Rio Branco, de Andradas, na tarde deste sábado, no Mineirão. Com a vitória, a Raposa, que venceu a primeira partida em casa, melhorou a sua situação no Campeonato Mineiro. Os gols foram marcados por Schwenck (2), Alex (2) e Lima. Somando agora sete pontos, resultantes de duas vitórias, um empate e duas derrotas, o time celeste subiu da 11ª para a sétima colocação na tabela. Já o Rio Branco, corre sério risco de rebaixamento. Com apenas um ponto, o time de Andradas ocupa a última posição na tabela de classificação.Completamente desentrosados e sentindo a falta de jogos, os reservas do Cruzeiro mostraram no primeiro tempo porque não são titulares. A Raposa propiciou aos poucos torcedores que acompanharam a partida um festival de erros de passe e de finalizações equivocadas. Para se ter uma idéia do nível da partida, a melhor chance do atual campeão brasileiro aconteceu somente aos 45 minutos.O volante Jardel roubou bem a bola no meio-campo e tocou para Marcinho que invadiu a área e chutou rasteiro. Porém, a bola saiu fraca, facilitando a defesa do goleiro Velloso. Já o modesto Rio Branco, lanterna do Mineiro, tentava de qualquer maneira segurar o empate.Apesar de mostrar boa disciplina tática, não deu trabalho algum ao goleiro Artur. Apenas aos 33 minutos, poderia ter complicado a vida cruzeirense. O lateral Fernando Silva avançou pela ponta direita e penetrou na área. Após a dividida com a defesa, o lateral caiu e pediu pênalti. Porém, o árbitro Douglas Messias Fedócio deixou o jogo seguir.Na volta para o segundo tempo, o técnico Vanderlei Luxemburgo, colocou Schwenck, Rivaldo e Alex, nos lugares de Jardel, Alex Dias e Martinez. As substituições deram resultado. Nos dois primeiros lances, o estreante Schwenck deixou sua marca com a camisa celeste.Aos 17 minutos, o meio-campo Martinez cruzou e encontrou Schwenck dentro da área. O atacante cabeceou no ângulo de Velloso, fazendo Cruzeiro 1 a 0. Aos 24, o atacante que veio do Nova Iguaçu, onde jogou com o centroavante Deivid, recebeu passe de Alex e chutou forte para o fazer o segundo gol da Raposa na partida.Depois de tomar dois gols seguidos, o Rio Branco abriu de vez a retranca, tentando diminuir o placar. Porém, abriu também os espaços para o ataque adversário. Aos 29 minutos, Schwenck tabelou com Rivaldo e serviu para Alex. O meio-campo limpou a jogada e fez o terceiro gol celeste na partida.Três minutos depois, Alex tocou para o atacante Lima que precisou chutar duas vezes para fazer o quarto gol do Cruzeiro. Com a partida liquidada, o Cruzeiro ainda fez mais um. Aos 36 minutos, Sandro chutou e a bola bateu em Velloso. No rebote, o goleiro saiu nos pés de Lima e cometeu pênalti. Alex cobrou e completou a goleada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.