Alex Mineiro brilha e Palmeiras bate Sertãozinho em Barueri

Na reestréia de Luxemburgo, atacante se destaque ao marcar dois gols de cabeça na vitória por 3 a 1

André Rigue, estadao.com.br

17 de janeiro de 2008 | 21h31

Enfim, o Palmeiras parece ter encontrado um atacante capaz de dar alegrias à torcida. Em sua estréia, Alex Mineiro brilhou nesta quinta-feira ao marcar dois gols na vitória do alviverde sobre o Sertãozinho por 3 a 1, em duelo realizado na Arena de Barueri, válido pela primeira rodada do Campeonato Paulista.  Veja também: Classificação Calendário / Próximos jogos Guia do Paulistão 2008 Alex Mineiro é o matador que o Palmeiras tanto procura? Torcida organizada irrita treinador do Palmeiras Além de Alex Mineiro, o jogo marcou a estréia do lateral-direito Elder Granja e a reestréia do técnico Vanderlei Luxemburgo [em sua quarta passagem pelo clube]. Curiosamente, foi com Luxa que o Palmeiras conquistou o seu último título estadual, em 1996, no famoso time dos 102 gols. Apesar da vitória, o Palmeiras encontrou muitas dificuldades no primeiro tempo. O time até teve o controle do jogo, mas pecou nas conclusões, principalmente com Valdivia (capitão do time) e Martinez - os dois erraram a maior parte dos chutes. As principais chances foram através da bola área - jogada que deve ser a mais forte do time de Luxa.  Palmeiras3Diego Cavalieri; Élder Granja (Wendel), Gustavo, Dininho e Leandro; Pierre, Makelele (William), Martinez e Valdívia; Luiz Henrique (Deyvid Sacconi) e Alex MineiroTécnico: Vanderlei Luxemburgo Sertãozinho1Lauro; Pedro Paulo, Galeano e Erivélton; Ricardo Lopes, Elias (Gláuber), Severo (Rodrigo Silva), Ceará e Leandro Smith (Lucas); Tiago Silvy e Marcos Denner Técnico: BarbieriGols: Alex Mineiro, aos 2 e aos 18, William, aos 21, e Marcos Denner, aos 30 minutos do segundo tempoÁrbitro: Cleber Wellington AbadeRenda: RS 149.440,00Público: 8.020 pagantesEstádio: Arena BarueriNa melhor delas, ocorrida aos 19 minutos, Martinez desviou de cabeça após cobrança de escanteio e a bola passou perto à trave de Lauro. Em outra jogada, aos 26, o zagueiro Dininho recebeu cruzamento de Martinez, mas não conseguiu chutar e a bola foi afastada pela zaga do time do interior. Só na etapa final, depois de uma "sacudida" de Luxemburgo nos vestiários, que o Palmeiras encontrou o caminho do gol. E o primeiro veio logo aos 2 minutos. O lateral-esquerdo Leandro cruzou na medida para a cabeçada de Alex Mineiro, que testou forte, no cantinho esquerdo de Lauro. Inspirado, Alex Mineiro utilizou novamente a cabeça para marcar seu segundo gol. Aos 18 minutos - ele aproveitou cruzamento de Elder Granja para balançar as redes. Com os dois gols, o atacante ganhou um voto de confiança da torcida, que não consegue ver um homem-gol fazer sucesso no ataque desde Vágner Love. O Palmeiras ainda chegou ao terceiro gol com o meia-atacante William, que entrou na vaga de Makelele. Ele recebeu passe na pequena área e tocou rasteiro, na saída do goleiro Lauro - foi seu sexto gol com a camisa verde. O Sertãozinho, no entanto, descontou aos 30 minutos com Marcos Denner, também de cabeça. Agora, o Palmeiras volta a campo neste domingo para enfrentar o Santos, no primeiro clássico do Campeonato Paulista. O duelo, que acontecerá na Vila Belmiro, com acompanhamento do estadao.com.br, colocará frente a frente dois grandes rivais: Luxemburgo e Leão. 

Tudo o que sabemos sobre:
Paulistão A-1PalmeirasSertãozinho

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.