Alex Silva e Felipe Santana desfalcam o Atlético-MG; Luan admite jogar na lateral

Lateral-direito e zagueiro estão lesionados e não enfrentarão a Chapecoense no final de semana

Estadão Conteúdo

22 de junho de 2017 | 20h42

Como já se tornou costume este ano, o técnico Roger Machado terá que lidar com novos desfalques para escalar o Atlético-MG diante da Chapecoense, domingo, fora de casa, pelo Campeonato Brasileiro. O lateral-direito Alex Silva e o zagueiro Felipe Santana, contundidos, foram vetados pelo departamento médico e não vão atuar no fim de semana.

Alex Silva está fora por causa de uma torção no tornozelo esquerdo, enquanto Felipe Santana tem um estiramento na coxa esquerda. Na vaga do zagueiro, Roger pode improvisar o volante Roger Bernardo, acostumado a atuar na defesa, ou apostar em algum garoto, como Rodrigão, Nathan ou Matheus Mancini.

O maior problema, porém, está na lateral direita. Alex Silva já era a terceira opção para o setor, após o titular Marcos Rocha e o reserva imediato Carlos César se contundirem. Sem três atletas para o setor, Roger terá que improvisar. E o atacante Luan se colocou à disposição para ajudar.

"Se for para ajudar, brigar, chacoalhar o time em campo, vou estar à disposição. Tenho que pegar confiança, cada vez mais. Estou à disposição. Se o Roger precisar de mim, até como lateral-direito, estou à disposição. Vou dar tudo de mim e ajudar meus companheiros", disse.

Se as lesões têm atrapalhado o Atlético-MG, com Luan não é diferente. O jogador se vê envolto em problemas físicos desde o ano passado e só agora está voltando a conquistar seu espaço na equipe. Diante do Sport, no empate da última quarta, ele viveu um outro drama, desta vez com sua filha.

"Ninguém sabe, mas minha filha quase perdeu a vida. A médica estava lá em casa, salvou a vida da Louise, a mais nova, que está internada agora. Eu pedi para ir para o jogo para ajudar o Roger e meus companheiros. Ela teve uma bronquiolite, estava pálida. Eu vi a hora de perder ela, mas a médica salvou a vida da minha filha. Eu pedi para ir para o jogo, fico até emocionado", revelou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.