Alex tem pena reduzida na França

O atacante Alex, do Saint-Etienne, vai voltar a defender o time francês logo depois de cumprir os dois meses de suspensão a que foi condenado pela Comissão Jurídica da Liga Nacional de Futebol (LNF), no dia 16 de janeiro, sob a acusação de utilizar passaporte italiano falsificado, informou nesta terça-feira um dirigente do clube.A entidade abrandou a pena aplicada ao jogador brasileiro em dois meses - a condenação foi de quatro - e ele deve voltar aos gramados a partir do dia 16 de março. Eleito o melhor atacante estrangeiro da Liga Nacional de Futebol (LNF), Alex foi um dos principais artilheiros do início da competição com 11 gols marcados até a sua suspensão.Em depoimento à CPI da CBF/Nike, no dia 12 de fevereiro, na Câmara, Alex atacou o próprio time de ter sido o responsável pela falsificação do documento. A última partida do jogador pelo clube francês foi no dia 21 de dezembro do ano passado, ocasião que o atacante marcou o único gol da equipe na derrota para o Lyon por 2 a 1.Ucraniano - O ex-companheiro de Alex no Saint-Etienne, o goleiro Maxim Levytsky, também teve a pena reduzida e volta no mesmo período a jogar pelo Spartak de Moscou, clube que defende desde que deixou a França em 28 de dezembro.Embora os jogadores tenham a pena diminuída, ainda é mantido o processo no qual eles estão respondendo à Justiça Francesa por uso de documentação falsa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.