Alexandre Kalil anuncia saída do comando da Primeira Liga

Ex-dirigente revela saída através de sua conta no Twitter

Estadão Conteúdo

19 de dezembro de 2015 | 15h01

A Primeira Liga, responsável pela organização da Liga Sul-Minas-Rio, sofreu nova turbulência neste sábado. Alexandre Kalil, ex-presidente do Atlético Mineiro, anunciou que saiu do cargo de chefe-executivo da liga responsável por organizar a competição, que tem a sua primeira edição prevista para ser disputada em 2016.

"Acabei de comunicar o Presidente do Flamengo a minha saída da Primeira Liga. Desejo sucesso a eles", escreveu Kalil em seu perfil no Twitter, rede de microblogs na internet, sem dar maiores detalhes sobre as razões da sua saída da liga.

Certo mesmo é a que a Primeira Liga tem enfrentado alguns problemas nas últimas semanas. O Cruzeiro chegou a deixar o torneio, alegando que a disputa não seria rentável, mas a situação parecia estar pacificada nos últimos dias, quando o time mineiro recuou de sua decisão e voltou para o torneio.

O principal problema parece estar relacionado com a negociação dos direitos de transmissão e o seu parcelamento entre os clubes. Mesmo faltando pouco mais de um mês para o início da disputa, os direitos ainda não foram adquiridos por nenhuma rede de televisão e ainda não está claro como será a divisão, com alguns clubes reclamando como eles serão repartidos.

De qualquer modo, a Sul-Minas-Rio já teve a sua tabela divulgada, com início previsto para 27 de janeiro de 2016. E os clubes confirmados para essa primeira edição são Cruzeiro, Fluminense, Criciúma, Atlético Paranaense, Grêmio, Internacional, Coritiba, Avaí, Figueirense, Atlético-MG, América-MG e Flamengo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.