Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Allione e Tobio podem deixar o Palmeiras e voltar para Argentina

Diretoria avisa que não tem interesse em negociar a dupla

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

15 de junho de 2015 | 15h37

Allione e Tobio podem deixar o Palmeiras em breve. Os jogadores estão na mira de clubes argentinos e a diretoria do Alviverde deve receber propostas oficiais nos próximos dias pela dupla. Próximo de retornar aos gramados após uma cirurgia no joelho direito, o meia está nos planos do Rosário Central e do Independiente, que também quer o defensor. Tobio ainda na lista do Boca Juniors. 

Apesar do interesse dos clubes argentinos, a diretoria do Palmeiras já deixou claro que não pretende negociar a dupla. Entretanto, o presidente Paulo Nobre já disse diversas vezes que nenhum jogador é inegociável. 

Embora ainda esteja em fase final de recuperação da cirurgia, Allione não deve ter muito espaço, já que o elenco conta com diversas opções para o setor. O meia chegou em julho do ano passado e foi comprado pelo Palmeiras por cerca de R$ 7 milhões. 

O presidente Paulo Nobre decidiu assumir a dívida do clube e passou a ficar com os direitos econômicos do atleta, considerado uma das revelações do futebol argentino. Allione tem contrato com o Palmeiras até julho do ano que vem, mas prorrogável até 2018. 

Outro que também passou a ter os direitos ligados ao presidente palmeirenses é o zagueiro Tobio. Mais um argentino indicado por Ricardo Gareca, o defensor já teve um bom momento com a camisa alviverde, mas perdeu espaço em decorrência de sucessivas lesões e com as chegadas de Vitor Hugo, Victor Ramos e Jackson. O zagueiro tem ficado no banco de reservas nas últimas partidas pelo Campeonato Brasileiro. Ele também tem contrato até junho do ano que vem e prorrogável até 2018. 

O diretor de futebol, Alexandre Mattos, viajou nesta segunda-feira para a Argentina. O motivo não foi revelado, mas existe a possibilidade dele conversar diretamente com os representantes dos clubes interessados nos dois argentinos.  

(atualizada às 16h24)


Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasFutebolBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.