Almir fratura cotovelo e irá desfalcar o Flamengo por três semanas

O Flamengo confirmou na tarde desta quinta-feira que o meia Almir fraturou o cotovelo esquerdo e, por causa do problema, irá desfalcar o time por um período estimado de três semanas pelo departamento médico do clube. O jogador se machucou no empate por 1 a 1 com o Náutico, na noite desta quarta, no Maracanã, pela Copa do Brasil.

Estadão Conteúdo

28 de maio de 2015 | 18h05

Por meio de nota oficial, o Flamengo informou que o atleta foi submetido a exames na manhã desta quinta e que o resultado dos mesmos detectou a fratura. O clube também destacou que o meio-campista precisará ficar com o braço esquerdo imobilizado neste período de afastamento dos gramados.

A fratura sofrida por Almir é mais um problema amargado pelo Flamengo em meio ao momento conturbado vivido pelo time, que ocupa a 17ª posição do Campeonato Brasileiro, encabeçando a zona de rebaixamento, com apenas um ponto em três jogos disputados. A má fase provocou a demissão do técnico Vanderlei Luxemburgo, que acabou sendo substituído por Cristóvão Borges, recém-contratado.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFlamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.