Divulgação / Panini
Divulgação / Panini

Palmeiras: alta procura faz figurinhas do álbum do centenário 'sumir'

Demanda supera expectativas; grupo Dissidenti vai promover trocas de cromos neste sábado em sua sede

Glauco de Pierri, O Estado de S.Paulo

26 de setembro de 2015 | 00h21

Com uma das melhores médias de público em 2015 e ocupando a vice-liderança em número de sócios-torcedores do País no Movimento por um Futebol Melhor, com 129.493 torcedores no programa Avanti (até a 0h de sábado), o Palmeiras pode celebrar o engajamento de sua torcida em mais uma ação do clube: figurinhas e álbuns do produto ‘Centenário de Glórias’ desapareceram das bancas de São Paulo – a alta busca pelos pacotinhos com cromos dos craques dos 100 anos do Verdão foi a responsável por isso. 

A Panini, editora responsável pelo álbum, confirmou ao Estadão que as buscas superaram as expectativas da empresa. “O livro ilustrado Palmeiras Centenário de Glórias e sua coleção de figurinhas históricas tem sido um imenso sucesso. A Panini previu uma significativa quantidade para a tiragem inicial do produto (álbuns e figurinhas) – bem acima das estimativas convencionais da editora – e, ainda assim, em algumas regiões e pontos de venda o produto tem se esgotado com velocidade maior do que é possível sua reposição. Todo esse êxito reflete a adesão da apaixonada torcida palmeirense. A Panini está empregando todos os esforços para que todos os pontos de venda recebam o produto e os colecionadores sejam atendidos o mais breve possível”, diz nota da empresa enviada à redação. 

Outro ponto levantado pelos palmeirenses é a procura pelo chamado álbum “encadernado”. Ainda de acordo com a editora, “o álbum premium - capa dura já foi distribuído nas lojas do Palmeiras. Na segunda-feira (dia 28) estará nas principais bancas (lembrando que não são todas que recebem esta versão do produto) e no decorrer da semana chega às livrarias.”

Com acabamento impecável, cromos metálicos e outros com textura, o álbum tem sido procurado por crianças, mas também por adultos. Segundo Gil Travagli, proprietário de uma banca de jornais na Alameda Barão de Limeira, no centro da cidade, a busca pelos pacotinhos é intensa. “As crianças procuram, claro. Mas desta vez, o que veio de adultos procurando as figurinhas me surpreendeu. E só buscam por pacotes fechados, com 20 pacotinhos. Acho que é por isso que ninguém mais acha nada em lugar nenhum. Parece álbum da Copa”, disse.  

No texto enviado à reportagem, a Panini afirma que não tem esse balanço – se a coleção está sendo mais procurada por adultos ou crianças. Mas diz que “é normal que  muitos adultos adquirem para crianças de seu círculo de relacionamento: filhos, sobrinhos, netos etc.”

Trocas de figurinhas. O  ‘Dissidenti’, grupo composto por torcedores do Palmeiras e com sede na Rua Caraíbas, número 44, bem próximo à entrada do clube na Rua Palestra Itália, vai promover na tarde deste sábado um encontro para trocas dos cromos entre os colecionadores. O evento ocorrerá das 14h às 20h e foi divulgado nas redes sociais do grupo, que pede para os palmeirenses levarem um brinquedo para doação à crianças carentes. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.