Altair vai à Justiça contra a Lusa

Por essa, o zagueiro Altair, da Portuguesa, não esperava. O jogador, que só estava esperando o dia 17 de maio para acertar sua transferência para o Santos, ficou surpreso com a prorrogação de seu contrato com a Lusa até 2008. Não sabia que seu procurador havia assinado um novo documento há pouco mais de um mês. Ao saber da novidade, Altair não poupou sua raiva e saiu xingando toda a diretoria da Lusa. "A Portuguesa agiu de má fé comigo, ninguém foi honesto". A história, no entanto, não bate com a contada pela diretoria do time. "Procuramos o Altair logo após o jogo contra o Paulista (26/3) para prorrogar seu contrato. E ele disse para conversar com seu procurador. Agora, não é nossa culpa se seu procurador não passou nada para ele", afirmou Manuel da Lupa presidente da Lusa. O certo, apenas, é que Altair dificilmente voltará a vestir a camisa do time. Ele só pensa agora em entrar com uma ação na Justiça contra seu empresário e o clube.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.