Ameli vai à Justiça contra São Paulo

O zagueiro Ameli, contratado no ano passado pelo São Paulo, esteve nesta sexta-feira no Centro de Treinamento do clube e fez um verdadeiro discurso contra a diretoria são-paulina. Disse, de maneira contundente, que o São Paulo lhe deve 7 meses de pagamento referentes a direitos de imagem e contou que está entrando na Justiça para buscar seus direitos. O jogador argentino, que tem contrato até junho de 2004, comentou também que ficou por meia hora parado na porta do CT, sem que ninguém liberasse sua entrada. "Disse aos seguranças que só sairia se chamassem a polícia."De acordo com o argentino, o São Paulo teria de pagar os valores dos direitos de imagem durante a temporada em que esteve no River Plate. "Ficou acertado, por contrato, que o River pagaria meus salários e que o São Paulo continuaria pagando os direitos de imagem com o dinheiro que havia recebido do meu empréstimo", contou.O clube argentino, no qual Ameli jogou no primeiro semestre deste ano e foi campeão nacional, deu ao São Paulo cerca de US$ 250 mil pelo empréstimo. "A diretoria está me desrespeitando", declarou o jogador.Os dirigentes do São Paulo negaram, com veemência, a dívida com o atleta. Alegaram que não fizeram nenhum acerto com o River para que continuassem pagando ao jogador enquanto ele estivesse fora do Morumbi. E não o consideram mais atleta do clube. Dizem que ele teria de se reapresentar no dia 1º de julho, após temporada no River, o que não aconteceu. Ameli retornou apenas na quinta-feira, quando foi proibido de treinar. Válter Maria Pereira, diretor-adjunto de futebol, disse que o São Paulo propôs pagar, em 10 parcelas, R$ 1 milhão a Ameli pela rescisão do contrato. Segundo o cartola, o zagueiro, que tinha salário de R$ 70 mil mensais, só aceitaria receber à vista e, por isso, resolveu ir à Justiça.A dispensa de Ameli faz parte do projeto da diretoria de se livrar dos medalhões e dar chance aos pratas da casa. O zagueiro Edcarlos, que estava no time B, foi promovido para os profissionais há uma semana.

Agencia Estado,

11 de julho de 2003 | 20h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.