América-MG bate ASA e fatura título inédito da Série C

Em festa no Estádio Independência, clube ganha por 1 a 0; Euller participa da conquista mineira

AE, Agencia Estado

19 de setembro de 2009 | 19h25

O América-MG, que sempre foi considerado a terceira força do futebol de Minas Gerais, conquistou neste sábado o inédito título do Campeonato Brasileiro da Série C. No estádio Independência, em Belo Horizonte, venceu o ASA por 1 a 0, com um gol no último minuto, e levantou a inédita taça. Na ida, em Arapiraca (AL), na semana passada, já havia ganhado por 3 a 1.

 

Veja também:

Brasileirão Série C - lista Tabela

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

O América dominou praticamente todo o jogo e, mesmo não exercendo grande pressão, soube administrar bem o resultado conquistado na partida em Alagoas. O único gol saiu aos 45 minutos da segunda etapa, quando o atacante Bruno Mineiro saiu em rápido contra-ataque, tocando na saída do goleiro alagoano.

Um dos maiores ídolos da torcida americana, que lotou o Independência, o atacante Euller fez questão de ressaltar a força do grupo de jogadores para a inédita conquista - em 1990, o time chegou à final da Série C, mas perdeu para o Atlético Goianiense. "Durante muito tempo, lutei para ver esse momento de alegria, isso que marca a vida de todos. Agora é só comemorar, estão todos de parabéns e este título vem para coroar o trabalho de todo um grupo", afirmou.

Neste ano, a competição começou no final de maio e, em menos de quatro meses, já estava com tudo definido. Além dos finalistas, Guaratinguetá-SP e Icasa-CE também garantiram o acesso para a Série B, em 2010. Por outro lado, foram rebaixados para a Série D: Confiança-SE, Sampaio Corrêa-MA, Mixto-MT e Marcílio Dias-SC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.