América-MG derrota o Sport por 3 a 1 e encosta no G-4

Time mineiro termina rodada com mesma pontuação do Avaí, o quarto colocado na Série B

AE, Agência Estado

15 de outubro de 2013 | 22h05

RECIFE - Se em casa o América-MG não consegue bons resultados, longe de Belo Horizonte o desempenho do time é bom. Nesta terça-feira, no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, bateu o Sport por 3 a 1, pela 30.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, chegando à terceira vitória seguida como visitante. Marcos Aurélio colocou o clube pernambucano na frente, mas em uma linda virada, Elsinho e Bady (duas vezes) garantiram o resultado para os mineiros, que entraram de vez na briga pelo acesso.

Com 47 pontos, o América-MG está na quinta colocação, mesma pontuação do Avaí, que no momento é o quarto, mas com um jogo a menos. Por outro lado, o Sport permanece em terceiro lugar, com 49 pontos, mas vê seus concorrentes se aproximarem. Com o apoio do seu torcedor, o Sport começou o jogo pressionando, tentando de todos os lados o primeiro gol. A pressão era tanta que aos 13 minutos conseguiu fazer o seu gol, com Marcos Aurélio. O atacante fez uma boa jogada individual, invadiu a área e foi desarmado. Mas a bola sobrou para ele, que de voleio encobriu o goleiro Matheus, já fora do gol.

O Sport dominava o jogo, enquanto que o América-MG só saia da defesa em contra-ataques. E, aos 37 minutos, o time mineiro acertou uma rápida jogada. Nikão recebeu na lateral do campo, invadiu o ataque e cruzou. O lateral-direito Elsinho, como um atacante, apareceu de surpresa na segunda trave e só desviou para o fundo das redes.

O América-MG voltou melhor postado para o segundo tempo. Pior para o Sport, que tinha posse de bola, buscava o gol, mas não conseguia criar jogadas de perigo. Então, aos 34 minutos, o time mineiro passou à frente no placar. Alessandro invadiu a área, driblou um zagueiro e bateu para boa defesa de Magrão. No rebote, a bola sobrou para Bady, que tocou para o gol aberto.

O Sport se desesperou em campo. Melhor para o América-MG, que matou o jogo aos 40 minutos. Em uma cobrança de falta, Bady chutou com força, a bola desviou no caminho e enganou o goleiro Magrão. No final, o time pernambucano tentou diminuir, mas parou na firme defesa mineira. O América-MG volta a campo pela 31.ª rodada, em Fortaleza, contra o Ceará, na Arena Castelão, nesta sexta, às 21h50, enquanto que o Sport joga contra a Chapecoense, no sábado, na Arena Condá, em Chapecó (SC), às 16h20.

FICHA TÉCNICA

SPORT 1 x 3 AMÉRICA-MG

SPORT - Magrão; Patric (Felipe Azevedo), Aílson, Gabriel e Marcelo Cordeiro; Anderson Pedra, Rithely, Aílton (Chumacero) e Lucas Lima; Marcos Aurélio e Neto Baiano (Nunes). Técnico: Geninho.

AMÉRICA-MG - Matheus; Elsinho, Jaílton, Victor Hugo e Danilo; Gualberto (Marcelo Rosa), Andrei Girotto, Bady e Nikão (Alessandro); Elvis e Willians (Kléber). Técnico: Silas Pereira.

GOLS - Marcos Aurélio, aos 13, e Elsinho, aos 37 minutos do primeiro tempo; Bady, aos 34 e aos 40 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Felipe Azevedo (Sport); Matheus, Andrei Girotto, Elvis e Willians (América-MG).

ÁRBITRO - Flávio Rodrigues Guerra (SP).

RENDA - R$ 243.065,00.

PÚBLICO - 18.737 pagantes.

LOCAL - Estádio da Ilha do Retiro, no Recife (PE).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BSportAmérica-MG

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.