Mourão Panda / América-MG
Mourão Panda / América-MG

América-MG enfrenta o Barcelona em Guayaquil por vaga na fase de grupos da Libertadores

Após empate por 1 a 1 em casa, equipe mineira precisa da vitória para não depender dos pênaltis

Redação, O Estado de S.Paulo

15 de março de 2022 | 05h00

Por uma vaga inédita na fase de grupos da Copa Libertadores, o América-MG joga a vida diante do Barcelona nesta terça-feira, às 21h30, no estádio Monumental, em Guayaquil. Quem vencer, entrará na fase de Grupos, com o sorteio a ser realizado no dia 25 de março.

No jogo de ida, em Belo Horizonte, os times ficaram no empate por 1 a 1. Ou seja, quem vencer estará na próxima fase. Caso o jogo termine com outra igualdade, a vaga será decidida nos pênaltis.

O América vem de uma virada épica contra o Guaraní, no Paraguai, onde conquistou a classificação nos pênaltis. Já o Barcelona não teve qualquer dificuldade em eliminar o Universitario, do Peru, com dois triunfos.

O time mineiro entrará em campo pressionado após a eliminação precoce no Estadual. Ficou fora das semifinais e alijado da disputa do título. O técnico Marquinhos Santos sabe que precisará dar uma resposta no jogo, para muitos, o mais importante da história do clube. Ele, inclusive, pediu desculpas sobre a queda na véspera da Libertadores.

"Após esse jogo da Libertadores, sentaremos novamente, vamos rever o planejamento, rever as condições para que se possa tomar as decisões cabíveis e necessárias para o decorrer da temporada. É ter equilíbrio, calma, não com a cabeça quente, depois de uma derrota na casa do adversário", disse o treinador.

Para o duelo, o time deverá ser o mesmo do último confronto contra o Barcelona. A principal dúvida é no ataque. Pedrinho vem aparecendo bem e poderá novamente iniciar o duelo, mas Marquinhos Santos não descartou deixar o time mais experiente com Matheusinho ou Felipe Azevedo.

O técnico Jorge Célico tem mudado algumas peças dependendo da característica do seu adversário. A expectativa é que não tenha nenhuma surpresa. A certeza é o retorno de Sosa, expulso no jogo de volta contra o Universitário. Ele cumpriu suspensão e poderá entrar em campo.

"Eu creio que trouxemos um resultado bom do Brasil. Ficamos com essa sensação de poder trazer algo mais, mas tudo isso é parte do passado. Nesta terça temos uma nova história e precisamos estar absolutamente concentrados. Entender que a equipe que temos pela frente é uma equipe com muitas condições, que tem algumas virtudes muito importantes. Controla muito bem a bola, reverteu um mata-mata como visitante. Absoluto cuidado em como se encara o jogo, principalmente com humildade, honestidade e entrega total", afirmou o técnico Jorge Célico.

FICHA TÉCNICA

BARCELONA-EQU X AMÉRICA-MG

BARCELONA - Burrai; Velasco, Aimar, Sosa e Leonel Quiñónez; Piñatares, Leonai, Emmanuel Martínez e Perlaza; Adonis Preciado e Mastriani. Técnico: Jorge Célico.

AMÉRICA-MG - Jailson; Patric, Iago Maidana, Éder e Marlon; Lucas Kal, Juninho e Alê; Pedrinho, Wellington Paulista e Everaldo. Técnico: Marquinhos Santos.

ÁRBITRO - Patrício Loustau (ARG).

HORÁRIO - 21h30.

LOCAL  - Estádio Monumental, em Guayaquil (EQU).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.