América-MG/Divulgação
América-MG/Divulgação

América-MG ganha e sonha com o G-4; Portuguesa é lanterna

Vitória por 3 a 1 deixa mineiros na oitava colocação, com 41 pontos; paulistanos continuam com 21 pontos, na última posição

Estadão Conteúdo

11 de outubro de 2014 | 18h18

A Portuguesa completou 10 jogos sem vitória e ficou com os dois pés na Série C em 2015 ao perder para o América-MG por 3 a 1, neste sábado, no estádio Independência, em Belo Horizonte, pela 29.ª rodada da Série B. O time paulista, com 21 pontos, é o lanterna da competição. O clube mineiro, em recuperação após reaver 15 pontos no STJD, aparece com 41 pontos, em oitavo lugar.

O técnico Givanildo Oliveira tem três vitórias e um empate com o time e ainda vê possibilidade de lutar pelo acesso, apesar dos seis pontos perdidos pela escalação irregular do lateral-esquerdo Eduardo. "Temos ainda 27 pontos a disputar e como se calcula que com 60 pontos é possível subir, então nós estamos na briga", analisou o veterano treinador.

Como só vencer serve à Portuguesa, o técnico Vagner Benazzi deixou de lado seu estilo conservador, armando o time dentro do esquema 4-4-2, com dois meias. O América-MG planejou pressionar no começo do jogo para marcar seu gol. E deu certo. Aos quatro minutos, Raul desceu até o fundo e cruzou à meia altura. Na primeira trave, na pequena área, apareceu Tchô para se antecipar à defesa e completar para as redes.

Os planos de Benazzi foram rapidamente por água abaixo. Sem força ofensiva, ainda sofreu o segundo gol aos 28 minutos. Gilson tabelou com Tchô, recebeu dentro da grande área e bateu de perna esquerda no canto de Rafael Santos: 2 a 0.

Gilson passou a atuar como meia, desta vez no lugar do machucado Renan Oliveira, porque antes vinha atuando como lateral-esquerdo. No jogo passado já tinha marcado dois gols. A Portuguesa ainda chutou duas vezes pelo lado esquerdo. Aos 30 minutos com Jean Motta e, aos 44, com Gabriel Xavier. Nas duas vezes, o goleiro João Ricardo mandou para escanteio.

Na volta para o segundo tempo, o atacante Serginho entrou no lugar do meia Allan Dias. E Serginho quase diminuiu aos 10 minutos. Após cruzamento da direita, ele chutou dentro da pequena área e acertou o travessão. Na volta, João Ricardo deu um tapinha na bola e afastou o perigo.

A partir dos 20 minutos, Benazzi arriscou tudo na Portuguesa, colocando outro atacante - Bryan Aldave - no lugar de Léo Costa. E tentou ganhar força com Lucas Caires na vaga de Jocinei. O América-MG, porém, passou a tocar a bola, na esperança de acertar algum contra-ataque para ampliar o placar. Mas isso não aconteceu. Aos 37, Obina pegou rebote da defesa, mas chutou a bola na trave.

Como quem não faz toma, a Portuguesa diminuiu aos 40 minutos. Gabriel Xavier puxou contra-ataque pelo lado esquerdo e cruzou. Serginho ajeitou dentro da área e bateu cruzado. Na sequência, o time paulista se atirou ao ataque, mas sofreu o terceiro gol aos 45. Gilson, na pequena área, fez o passe para trás para Obina. Ele fintou um zagueiro e chutou no alto, fechando o placar.

Pela 30.ª rodada, os dois times vão atuar na próxima sexta-feira. Às 21h50, o América-MG vai sair diante do Paraná, em Curitiba. Mais cedo, às 19h30, a Portuguesa vai receber no estádio do Canindé a líder Ponte Preta, que briga pelo acesso, em um duelo paulista.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG 3 x 1 PORTUGUESA

AMÉRICA-MG - João Ricardo; Pablo, Adalberto, Vitor Hugo e Raul; Leandro Guerreiro (Thiago Santos), Andrei Girotto, Tchô (Magrão) e Gilson; Willians e Obina. Técnico: Givanildo Oliveira.

PORTUGUESA - Rafael Santos; Arnaldo, André Astorga, Mateus Alonso e Jean Mota; Renan, Diogo Orlando, Jocinei (Lucas Caires) e Allan Dias (Serginho); Gabriel Xavier e Léo Costa (Bryan Aldave). Técnico: Vagner Benazzi.

GOLS - Tchô, aos 4, e Gilson, aos 28 minutos do primeiro tempo; Serginho, aos 40, e Obina, aos 45 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Willians e Gilson (América-MG); Léo Costa e Diogo Orlando (Portuguesa).

ÁRBITRO - Edmar Campos da Encarnação (AM).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BAmérica-MGPortuguesa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.