América-MG goleia Vitória, confirma a vice-liderança e fica perto do acesso

Sob os gritos de "olé", o América-MG colocou um pé no acesso ao golear o Vitória, na disputa pela vice-liderança, pelo placar de 4 a 0, em partida realizada nesta terça-feira, no estádio Independência, em Belo Horizonte, pela 35.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Só um desastre tira o time mineiro da elite do futebol nacional em 2016.

Estadão Conteúdo

10 Novembro 2015 | 21h25

Com o resultado, o América-MG vai para o seu quarto triunfo consecutivo e se confirma na vice-liderança, com 63 pontos. O Vitória, por sua vez, volta a tropeçar e na tabela de classificação fica estacionado na terceira posição, com 60.

No confronto direto pelo G4, a zona de acesso, o América-MG provou que é o time mais bem preparado para pressionar o Botafogo na disputa pelo título. Apoiado por seus torcedores, o clube mineiro começou pressionando e se aproveitou da boa fase de seus atacantes para definir a partida ainda no primeiro tempo.

Richarlison deu o cartão de boas-vindas com dois chapéus, mas foi travado na hora da finalização. Aos 16 minutos, porém, não desperdiçou. Marcelo Toscano fez o que quis pelo lado direito de campo e cruzou para área. Diego Lorenzi só desviou para o fundo das redes. A situação do Vitória ainda piorou com a expulsão de Rhayner, que recebeu o segundo cartão amarelo após entrada por trás no camisa 10 americano.

Com um a mais, o América-MG adiantou a marcação e continuou em cima do Vitória. A pressão deu resultado. Aos 45 minutos, Marcelo Toscano recebeu belo cruzamento de Xavier e, mesmo sem ângulo, soltou o pé e fez o segundo.

No segundo tempo, o Vitória até esboçou uma reação, mas acabou cansando e facilitando a goleada do América-MG. Aos 30 minutos, Richarlison, no melhor estilo pivô, aproveitou a sobra da defesa adversária e marcou mais um. O quarto veio logo em seguida. Aos 32, Marcelo Toscano deu passe primoroso de calcanhar para Pablo, que chutou cruzado para definir o triunfo do clube mineiro.

Na próxima rodada, a 36.ª, o Vitória enfrenta o Ceará neste sábado, às 17h30 (de Brasília), no estádio Barradão, em Salvador. No mesmo dia, às 21 horas, o América-MG visita o Paraná no estádio Durival de Britto, em Curitiba.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG 4 x 0 VITÓRIA

AMÉRICA-MG - João Ricardo; Wesley Matos, Alison e Anderson Conceição; Walber, Leandro Guerreiro, Diego Lorenzi (Henrique Santos), Pablo (Felipe Amorim) e Guilherme Xavier; Marcelo Toscano e Richarlison (Sávio). Técnico: Givanildo Oliveira.

VITÓRIA - Gatito Fernández; Diogo Mateus, Guilherme Mattis, Ramon e Diego Renan; Amaral (Pereira), Pedro Ken (Jorge Wagner), Flávio e Rhayner; Vander e Rafaelson (Elton). Técnico: Vagner Mancini.

GOLS - Diego Lorenzi, aos 16, e Marcelo Toscano, aos 45 minutos do primeiro tempo; Richarlyson, aos 30, e Pablo, aos 32 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Diogo Mateus e Ramon (Vitória).

CARTÃO VERMELHO - Rhayner (Vitória).

ÁRBITRO - Leandro Pedro Vuaden (Fifa/RS).

RENDA - R$ 227.785,00.

PÚBLICO - 17.604 pagantes.

LOCAL - Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG).

Mais conteúdo sobre:
futebol Série B América-MG Vitória

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.