América-MG leva virada do Icasa e fica distante do G4

O América-MG terminou a sua sequência de jogos sem perder ao ser derrotado por Icasa por 2 a 1, nesta terça-feira. O time cearense surpreendeu o mandante e, de virada, conseguiu a vitória no estádio Independência, em Belo Horizonte, pela 23.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

AE, Agência Estado

17 de setembro de 2013 | 22h17

Com o resultado, o América-MG continua com 34 pontos, na parte intermediária da tabela de classificação, mais longe do G4 - a zona de acesso. Com a vitória, a quinta fora de seus domínios, o Icasa ultrapassou o próprio clube mineiro, agora com 35 pontos.

O resultado foi o primeiro negativo do América-MG desde a chegada de Silas para o lugar de Paulo Comelli. Com o treinador no comando, o time mineiro vinha de duas vitórias e um empate. Quando Silas assumiu, o time mineiro venceu o Guaratinguetá e logo depois o Figueirense. Na rodada anterior, empatou com o líder Palmeiras por 1 a 1.

Apesar de poucos torcedores terem comparecido no estádio Independência, o América-MG conseguiu impor uma pressão inicial sobre o Icasa, trabalhando bem a bola e explorando os lados do campo. Recuado, o time cearense não conseguia explorar os contra-ataques e se reduzia apenas a marcação. Ainda assim, o clube mandante não conseguia entrar na área e arriscava chutes de fora da área.

O América-MG só conseguiu entrar na área do Icasa aos 29 minutos e inaugurou o placar. Depois de bate e rebate, Marcão rolou para Leandro Ferreira chutar forte. A bola desviou na defesa e enganou o goleiro João Ricardo, que nada pôde fazer.

Atrás no placar, o Icasa se arriscou mais e partiu para o ataque, mas não conseguiu furar a boa defesa armada por Silas e foi para o intervalo com o resultado adverso.

Assim que começou a segunda etapa, o Icasa conseguiu empatar em um belo gol de Radamés. Com apenas um minuto no relógio, o volante arriscou uma falta quase no meio de campo diretamente no gol e encobriu o goleiro Marcelo Moretto, que esperava o cruzamento.

Com o empate, o jogo ganhou mais movimentação e o Icasa ficou mais ofensivo. O América-MG, entretanto, não se deixou levar pela pressão e depois dos 15 minutos já equilibrou as ações. O time mineiro chegou até a marcar o segundo gol, com Alessandro, mas arbitragem acertadamente assinalou impedimento.

O que o América-MG não esperava é que o Icasa conseguiria acertar um contra-ataque, aos 29 minutos. Roberto recebeu pelo lado esquerdo e assim que entrou na área foi derrubado por Vitor Hugo. Na cobrança, aos 30, Tadeu deslocou o goleiro Moretto e virou o placar. O time mineiro tentou reverter o placar, mas falhou nas finalizações e foi para os vestiários com o amargo gosto da derrota em casa.

O América-MG volta a campo nesta sexta, às 19h30, contra o Oeste, em Itápolis (SP). Já o Icasa receberá o ASA, em Juazeiro do Norte (CE), na mesma data e horário, pela 24.ª rodada.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG 1 x 2 ICASA

AMÉRICA-MG - Marcelo Moretto; Leandro Silva, Vitor Hugo, César Lucena e Danilo; Juninho (Kaio), Leandro Ferreira, Bady e Willians (Elvis); Marcão (Fábio Junior) e Alessandro. Técnico: Silas Pereira.

ICASA - João Ricardo; Naylhor, Preto Costa e Luiz Otávio; Leyrielton, Da Silva, Radamés, Geraldo (Chapinha) e Carlinhos; Tadeu (Luis Gustavo) e Juninho Potiguar (Roberto). Técnico: Sidney Moraes.

GOLS - Leandro Ferreira, aos 29 minutos do primeiro tempo; Radamés, a 1, e Tadeu (pênalti), aos 30 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Juninho e Vitor Hugo (América-MG); Radamés (Icasa).

CARTÃO VERMELHO - Chapinha (Icasa).

ÁRBITRO - Renan Roberto de Souza (PB).

RENDA - R$ 19.860,00.

PÚBLICO - 1.114 pagantes.

LOCAL - Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAmérica-MGIcasaSérie B

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.