João Zebral / América-MG
João Zebral / América-MG

América-MG mira vitória sobre reservas do Grêmio para seguir fora da degola

Volantes titulares, Leandro Donizete e Wesley voltam ao time após cumprir suspensão automática

Estadão Conteúdo

20 Outubro 2018 | 07h46

O América-MG não quer perder o foco. Precisando vencer depois de seis jogos, o clube não quer saber se terá pela frente o time titular ou reserva do Grêmio. O objetivo é, de uma forma ou de outra, somar pontos no Independência, em Belo Horizonte. A partida está marcada para este sábado, às 16 horas, e pode manter o time de Adilson Batista fora da zona de rebaixamento ao final da 30ª rodada. O time mineiro soma 33 pontos.

"Fizemos bons jogos. Tenho consciência de que poderíamos estar com uma pontuação melhor em função de alguns resultados que não obtivemos. Uma particularidade dessas equipes que estão liderando é o fato de também deixarem o adversário jogar. Então, marcamos bem, tivemos transições e penetrações. Poderíamos ter uma melhor sorte em alguns dos jogos", avalia o técnico Adilson Batista.

Provavelmente ele fará duas mudanças. Os volantes Leandro Donizete e Wesley retornam de suspensão nas vagas de Aderlan e Matheusinho, mexendo novamente no time titular. Isso porque Juninho volta para a lateral-direita e Luan passa a atuar mais adiantado, ao lado de Ruy. Desta forma, Gerson Magrão também ganha mais liberdade para atuar na criação das jogadas.

"Dentro daquilo que analiso dos 15 jogos que trabalhei, tivemos um segundo tempo ruim contra o Atlético-PR, um jogo desgastante contra o Ceará, em que sofremos mais no aspecto físico, e, contra o Santos, um jogo de muito volume do adversário. Fora esses três, os demais aconteceram dentro de um controle. Especialmente os adversários do topo da tabela, tivemos o mérito de encarar de igual para igual", analisa Adilson.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.