Mourão Panda / América
Mourão Panda / América

América-MG perde pênalti, leva gol no fim do Atlético-GO e segue na lanterna

Jorginho, aos 43 minutos do segundo tempo, fez o gol da vitória do time goiano

Redação, Estadão Conteúdo

26 de julho de 2019 | 22h35

O América-MG continua vacilando no Campeonato Brasileiro da Série B. Nesta sexta-feira, no Independência, perdeu por 1 a 0 para o Atlético-GO, pela 12.ª rodada. O time mineiro desperdiçou um pênalti ainda nos primeiros minutos de jogo e levou o gol aos 43 minutos da etapa final, em um cabeceio de Jorginho.

O América-MG deixou o campo sob muitas vaias, porque segue na lanterna com apenas sete pontos em 12 jogos e um total de sete derrotas. O time goiano chegou aos 21 pontos, assumindo temporariamente a quarta posição.

O Atlético-GO entrou em campo para evitar uma nova derrota, uma vez que perdeu na rodada passada pra o Botafogo-SP, em casa. Já o América-MG começou na base da pressão para tentar marcar logo seu primeiro gol.

E desperdiçou uma grande chance aos seis minutos, quando perdeu um pênalti. Juninho foi empurrado por Jorginho na grande área, mas, na cobrança da penalidade máxima, Jonatas Belusso até chutou no canto, mas o goleiro Maurício Kozlinski caiu bem do lado direito e espalmou para escanteio. Foi uma grande defesa.

Depois deste lance, o América demorou para retomar seu ritmo. Embora tivesse maior posse de bola não chegava com perigo para o goleiro visitante. O Atlético ficou muito atrás, mas teve uma grande chance já nos acréscimos, aos 46 minutos, quando Jorginho desceu pelo lado direito e fez o levantamento em direção à pequena área. Mike deu um cabeceio forte, mas o goleiro Jori espalmou, fazendo defesa difícil e levando o 0 a 0 para o intervalo.

Na volta, o técnico Felipe Conceição preferiu deixar Matheusinho, de atuação discreta, no vestiário para a entrada do velocista Neto Berola. O cenário ficou parecido ao do primeiro tempo, com o time mineiro mais intenso no ataque. Só que aos 16 minutos, quase que o time goiano abriu o placar. Após lançamento longo de André Castro, Jorginho dominou dentro da área, porém, bateu por cima do travessão.

O técnico Felipe Conceição ainda tentou dar mais força ao seu ataque, trocando seus homens de frente com as entradas de Júnior Viçosa e Rafael Bilu. O América criou muito pouco e só conseguiu duas finalizações, com Júnior Viçosa e Neto Berola, bloqueadas pelos defensores atleticanos.

No final, veio o castigo. Nicolas recebeu pelo lado esquerdo, levantou a cabeça e cruzou bem alto. O esperto Jorginho só deu um toque de cabeça, pegando o goleiro Jori no contrapé. Foi o gol da vitória atleticana, aos 43 minutos.

Os dois times voltam a campo na terça-feira, quando serão disputados nove jogos pela 13.ª rodada. O América vai até Campinas para enfrentar a Ponte Preta, às 20h30, enquanto no mesmo horário o Atlético-Go receberá, em Goiânia, o Operário-PR.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG 0 X 1 ATLÉTICO-GO

AMÉRICA-MG - Jori; Leandro Silva, Paulão, Ricardo Silva e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho e Willian Maranhão; Matheusinho (Neto Berola), Felipe Azevedo (Rafael Bilu) e Jonatas Belusso (Junior Viçosa). Técnico: Felipe Conceição.

ATLÉTICO-GO - Maurício Kozlinski; Jonathan, Lucas Rocha, Oliveira e Nicolas; André Castro, Moacir e Jorginho; Matheuzinho (Bustamante), Mike (Jarro Pedroso) e Pedro Raul. Técnico: Wagner Lopes.

GOL - Jorginho, aos 43 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE).

CARTÕES AMARELOS - Ricardo Silva, Matheusinho e Felipe Azevedo (América-MG). Pedro Raul e Maurício Kozlinski (Atlético-GO).

RENDA - R$ 5.982,00.

PÚBLICO - 1.241 pagantes.

LOCAL - Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.