América-MG vence e impõe ao Bragantino a 3ª derrota na Série B do Brasileiro

O Bragantino melhorou, mas não o suficiente para evitar a sua terceira derrota no Campeonato Brasileiro da Série B. Nesta sexta-feira, pela quarta rodada, perdeu em casa, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), para o América-MG por 1 a 0. Com o resultado, o time paulista continua na zona de rebaixamento, com três pontos, em 18.º lugar, enquanto que o rival subiu para quinto, com sete.

Estadão Conteúdo

29 de maio de 2015 | 22h21

O time paulista vinha de goleada para o Vitória por 4 a 1, em Salvador. E já tinha perdido na estreia, em Maceió, por 2 a 0 para o CRB. Portanto, buscava a reabilitação. Até tentou, mas não deu. Faltou poder de finalização. O América-MG vinha de uma goleada sobre o Santa Cruz por 4 a 1, em Belo Horizonte, e quebrou um tabu de não vencer há três meses fora de seus domínios. O último triunfo tinha acontecido dia 25 de fevereiro, pela Copa do Brasil, quando fez 3 a 0 em cima do Luziânia-DF.

Na esperança de pressionar para marcar seu gol rapidamente, o time da casa desperdiçou sua melhor chance logo aos três minutos, em um lance incrível. Após cobrança de falta de Alemão, pelo lado direito, a defesa mineira parou pedindo impedimento e Pedro Henrique apareceu sozinho para tocar de cabeça. O goleiro João Ricardo deu rebote nos pés de Jobinho, que na pequena área, com o gol livre, encheu o pé e a bola explodiu no travessão.

Após suportar a pressão inicial, o América-MG usou do contra-ataque para buscar seu gol. Teve duas chances. A primeira aos 17 minutos, em um chute cruzado de Cristiano que passou tirando tinta da trave esquerda de Douglas. A segunda aos 35, quando Robertinho invadiu a área pelo lado direito e bateu rasteiro, mas Douglas defendeu em dois tempos.

No segundo tempo, o jogo ficou aberto. O América-MG, mais solto, teve duas chances com Cristiano, que finalizou para fora antes de marcar seu gol aos 15 minutos. Marcelo Toscano dominou a bola na quina direita da área, fez o giro e bateu de pé trocado, de esquerda, no ângulo de Douglas.

Depois disso, o Bragantino perdeu o controle emocional. O técnico Osmar Loss tentou dar "sangue novo" ao time usando suas três trocas, mas não conseguiu. A equipe insistiu muito nos chuveirinhos para a área, aliviadas pela defesa.

Toda a quinta rodada será realizada na terça-feira. O Bragantino vai até Natal para enfrentar o ABC, no estádio Frasqueirão, a partir das 19h30. No mesmo horário, o América-MG vai receber o Sampaio Corrêa, no estádio Independência, em Belo Horizonte.

FICHA TÉCNICA

BRAGANTINO 0 x 1 AMÉRICA-MG

BRAGANTINO - Douglas; Alemão, Leandro Silva, Pedro Henrique e Roberto; Bruno Costa, Samuel (Wigor) e Alan Mineiro (Diego Maurício); Jobinho, Isaac (Lincoln) e Chico. Técnico: Osmar Loss.

AMÉRICA-MG - João Ricardo; Robertinho, Wesley Matos, Anderson Conceição e Bryan; Thiago Santos, Leandro Guerreiro (Diego Lourenço), Felipe Amorim (Henrique Santos) e Mancini; Marcelo Toscano (Alisson) e Cristiano. Técnico: Givanildo de Oliveira.

GOL - Marcelo Toscano, aos 15 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Alemão (Bragantino); Leandro Guerreiro, Robertinho e Marcelo Toscano (América-MG).

ÁRBITRO - Wagner do Nascimento Magalhães (RJ).

RENDA - R$ 6.480,00.

PÚBLICO - 573 pagantes.

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BAmérica-MGBragantino

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.