América-MG vence o Luverdense e retoma segundo lugar na Série B

O time mineiro chegou aos 54 pontos, após ganhar por 2 a 1

Estadão Conteúdo

14 Outubro 2017 | 18h38

O América Mineiro retomou a vice-liderança do Campeonato Brasileiro da Série B ao vencer o Luverdense por 2 a 1, neste sábado, no Independência, pela 29.ª rodada. O time mineiro chegou aos 54 pontos, dois na frente do Paraná, que tinha assumido o segundo lugar na sexta-feira, quando fez 2 a 1 em cima do Criciúma. O líder continua sendo o Internacional, com 57 pontos. Ameaçado pelo rebaixamento, o time do Mato Grosso continua com 34 pontos, em 17.º lugar.

+Classificação da Série B

Esta vitória também reabilitou o América diante de sua torcida, porque da última vez em que jogou em casa perdeu para o Oeste, por 2 a 1, de virada, pela 27.ª rodada. Na última rodada, porém, tinha vencido fora o Santa Cruz, por 1 a 0. O Luverdense continua com altos e baixos, tanto que vinha de boa atuação na vitória por 3 a 0 sobre o Figueirense.

Dono da casa, o América tomou as iniciativas ofensivas e abriu o placar logo aos sete minutos. Após escanteio, Luan apareceu na primeira trave e desviou de cabeça para as redes. O Luverdense manteve um futebol muito tímido e lento, sem condições de chegar no ataque de forma aguda. Só perdeu uma chance com Rafael Ratão, que ao invés de chutar, tentou cruzar e desperdiçou.

Para piorar, a defesa do Luverdense falhou. O volante Moacir perdeu a bola na frente da área, Ernandes recuperou e mesmo desequilibrado chutou de bico. Contou ainda com o desvio no zagueiro Neguete: 2 a 0, aos 28 minutos.

O time do Mato Grosso, porém, diminuiu logo depois, aos 31. Sérgio Mota cobrou falta do lado esquerdo em direção à grande área. No meio de tantos jogadores, o zagueiro William apareceu para testar firme, de cima para baixo.

No segundo tempo, o ritmo diminuiu. Mas o Luverdense adiantou sua marcação para buscar o empate. Aos dez minutos, o técnico Júnior Rocha tirou o volante Guly para a entrada do meia Marcos Aurélio. Aos 11, o visitante ameaçou em chute de Alfredo. Ele foi lançado por Sérgio Mota e bateu cruzado, mas para fora.

O América-MG perdeu ritmo, não chegava com perigo no ataque e passou a correr riscos nos últimos minutos. O técnico Enderson Moreira, que completou 450 dias no comando do time americano, insistiu em deixar o atacante Bill em campo, apesar de sua péssima atuação.

A única chance real do mandante aconteceu aos 31 minutos, quando Bill ajeitou de cabeça para Norberto chutar. Ele bateu forte, mas o goleiro Diogo Silva mandou para escanteio. Bill saiu somente aos 35, dando vaga para o meia Renan Oliveira para reforçar a marcação. Depois disso, segurou o jogo e garantiu a vitória sem se arriscar.

Na próxima terça-feira vai ser realizada a 30.ª rodada da Série B. O América-MG visitará o Brasil, em Pelotas, a partir das 20h30. O Luverdense vai receber o Paysandu, às 21 horas, em Lucas do Rio Verde.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG 2 X 1 LUVERDENSE

AMÉRICA-MG - João Ricardo; Norberto, Rafael Lima, Messias e Pará; Juninho, Ernandes e Rui (Zé Ricardo); Matheusinho, Bill (Renan Oliveira) e Luan (Edno). Técnico: Enderson Moreira.

LUVERDENSE - Diogo Silva; Aderlan, Neguete, William e Paulinho; Moacir, Guly (Marcos Aurélio) e Sérgio Mota; Rafael Ratão (Cléo Silva), Alfredo (Eduardo) e Rafael Silva. Técnico: Júnior Rocha.

GOLS - Luan, aos sete, Ernandes aos 28 e William, aos 31 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Thiago Duarte Peixoto (SP)

CARTÕES AMARELOS - Guly e Aderlan (Luverdense).

RENDA - R$ 19.434,00.

PÚBLICO - 6.377 torcedores.

LOCAL - Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.