América-RJ lamenta saída de Fabão

Depois de ser considerado uma das esperanças do América-RJ para a disputa do Torneio Rio-São Paulo, o zagueiro Fabão, de 2,02 metros, teve seu passe negociado com os empresários Léo Rabelo e Mário Zagallo (filho do técnico tetracampeão do mundo, Zagallo). A diretoria do clube disse não ter tido condições de cobrir a proposta feita ao atleta, que recentemente foi promovido das divisões de base. O técnico do América-RJ, Mário Marques, lamentou a saída de Fabão e pediu aos dirigentes que contratem outro jogador para a vaga. "Ficamos com um déficit. Espero que receber um novo atleta?, disse o treinador.

Agencia Estado,

18 de janeiro de 2002 | 20h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.