Amistoso entre Ucrânia e EUA é transferido da Ucrânia para Chipre

Norte-americanos pediram por mudança devido a instabilidade vivida no país

AE, Agência Estado

25 de fevereiro de 2014 | 16h13

KIEV - O amistoso entre as seleções de futebol da Ucrânia e dos Estados Unidos, marcado para acontecer no dia 5 de março, não vai acontecer mais na cidade ucraniana de Kharkiv. A pedido dos norte-americanos, por razões de segurança, o jogo foi transferido nesta terça-feira para o Chipre.

A Ucrânia vive um clima de grande instabilidade política. Na semana passada, após conflitos violentos entre manifestantes e as forças de segurança, que provocaram mais de 80 mortes na capital Kiev, o então presidente do país, Viktor Yanukovych, foi deposto do cargo.

Diante desse cenário conturbado e instável na Ucrânia, os Estados Unidos pediram para mudar o local do amistoso, o que foi aceito nesta terça-feira pelos dirigentes ucranianos. Assim, o jogo do dia 5 de março será realizado agora no Chipre - na capital do país, Nicosia.

Na semana passada, a Uefa já tinha determinado, por segurança, a transferência de um jogo que aconteceria na Ucrânia, entre o Dínamo de Kiev e o Valencia, pela Liga Europa. Na ocasião, a escolha também foi levar a partida para a cidade de Nicosia, no Chipre.

Para os Estados Unidos, o amistoso contra a Ucrânia serve como preparação para a Copa - os norte-americanos estão no Grupo G, ao lado de Alemanha, Portugal e Gana. A Ucrânia, por sua vez, não conseguiu a classificação para disputar o Mundial no Brasil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.