André Cunha acerta com o Palmeiras

A diretoria da Ponte Preta, enfim, confirmou o final da novela: o lateral-direito André Cunha vai para o Palmeiras. O clube campineiro recebe R$ 600 mil, ficando ainda com o direito de receber 50% caso o time paulistano negocie o zagueiro no futuro, além de receber por empréstimo o meia Lopes, que estava no Juventude. O novo contratado palmeirense deve se apresentar na Academia de Futebol nesta segunda-feira. Os últimos detalhes da negociação, que se arrastava desde o ano passado, foram fechados no sábado, entre dirigentes do Palmeiras e os procuradores do jogador. Neste domingo o negócio foi confirmado pelos dirigentes ponte-pretanos. Existem ainda algumas pequenas pendências da Ponte com o Palmeiras, que ano passado emprestou dois jogadores ao time de Campinas: o zagueiro Alexandre e o atacante Anselmo, mas nada que deve atrapalhar. A vinda de Lopes ainda está travada, porque o meia assinou contrato com o Juventude.Agora faltam apenas exames médicos e a assinatura de contrato. André Cunha, que completa 26 anos em abril, estava sendo pretendido por outros grandes times da capital, como São Paulo e Santos, mas optou pelo Palmeiras onde irá trabalhar novamente com o técnico Estevam Soares, que o adaptou às novas funções.O lateral começou a carreira como meia no Penapolense, depois passou pelo Bandeirante de Birigüi e Araçatuba até chegar em Campinas (SP) no início de 2004. No Majestoso, Cunha foi contratado como meia, mas como o então técnico Estevam Soares não tinha lateral para o Campeonato Paulista, resolveu apostar no jogador. A escolha deu certo e André Cunha se tornou um dos principais destaques da Ponte na temporada passada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.