André Lima minimiza atuação decisiva no Fluminense

Com dois gols marcados logo na sua estreia como titular com a camisa do Fluminense, o atacante André Lima garantiu a vitória por 2 a 1 sobre o Resende, no último domingo, em Volta Redonda, e deixou a sua equipe empatada com o Flamengo na liderança do Grupo 1 do segundo turno do Campeonato Carioca.

AE, Agencia Estado

22 de março de 2010 | 12h06

O fato de ter balançado as redes duas vezes, porém, foi minimizado pelo jogador, que preferiu ressaltar a importância do resultado para a sua equipe. "Graças a Deus tive duas oportunidades no primeiro tempo e tive a felicidade de marcar dois gols. É sempre bom estrear assim, mas o melhor foi ter ajudado o time a conseguir essa importante vitória que nos mantém na zona de classificação para as semifinais da Taça Rio", disse André Lima.

O atacante também lembrou do fato de o time ter sofrido para assegurar a vitória, depois de abrir 2 a 0 no placar. "Foi o que disse no intervalo: se não tivéssemos atenção eles poderiam complicar o jogo. Eles melhoraram no segundo tempo, principalmente depois do gol, mas o que importa é que conseguimos segurar o resultado", ressaltou.

O volante Diguinho também admitiu que o Fluminense foi pressionado no final do jogo, mas acredita que a equipe soube controlar o adversário. "Construímos a vitória de 2 a 0 no primeiro tempo e soubemos administrar o resultado. Viemos buscar o três pontos e conseguimos o objetivo. Mantivemos a posse de bola, trabalhamos bem as laterais e saímos daqui com mais uma vitória", analisou.

"Eles (do Resende) até pressionaram no final, mas também criamos boas oportunidades. O Alan teve uma grande chance e por pouco não marcou. Tenho que parabenizar a todos por conseguirmos mais uma importante vitória", reforçou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.