André Luiz deve rescindir com Corinthians

André Luiz deve pedir rescisão de contrato hoje com o Corinthians. O jogador estava escalado desde sexta-feira para jogar no lugar de Fabinho, mas não aceitou entrar em campo. Nem da concentração participou. O volante confidenciou a um companheiro de clube que está ?cansado? de tanta pressão.A versão da diretoria é diferente. De acordo com uma fonte do próprio grupo, André Luiz é quem foi cobrado pelo diretor-técnico Roberto Rivellino. O clube propôs ao jogador uma redução salarial. A justificativa são as suas constantes lesões. André só jogou oito partidas em 2003, nesta sua terceira passagem pelo Parque São Jorge.O jogador também não tem um bom relacionamento com a maior parte dos companheiros. O grupo entende que, por ter um salário muito acima da média, André Luiz deveria assumir boa parte da responsabilidade.De outra parte, pegou mal a sua atitude antes do jogo contra o Coritiba, no Estádio Couto Pereira. André Luiz disse que não estava bem para voltar ao time. Viajou com a delegação para Curitiba e ficou no banco. No dia seguinte, treinou por uma hora sem problemas.André Luiz não foi indicação do ex-técnico Geninho, mas sua contratação foi aprovada por ele. O próprio André negociou pessoalmente com o presidente Alberto Dualib. Recebe no Corinthians 40% dos US$ 100 mil que ganhava no Paris Saint-Germain, que paga os US$ 60 mil restantes. A situação de André só não foi resolvida na sexta-feira porque o jogador não conseguiu falar com o presidente Alberto Dualib. Isso deve acontecer hoje.Por outro lado, ontem à noite eclodiu a crise do volante Vampeta. O motivo, segundo disse na TV, é que o técnico Juninho o havia escalado para o banco contra o Goiás, sob promessa de colocá-lo no jogo e não o fez. Vampeta afirmou que não mais vestirá a camisa corintiana neste ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.