Andrés confirma que Tite fica e anuncia dois reforços

Com o fim do Paulistão e o encerramento de um primeiro semestre sem títulos, o Corinthians já começa a se preparar para o Campeonato Brasileiro, única competição que resta até o fim do ano. Tite fica e "dois, três ou quatro jogadores de nível A" devem chegar, de acordo com Andrés Sanchez.

AE, Agência Estado

15 de maio de 2011 | 20h09

O mandatário corintiano garante que Tite segue à frente da equipe. "Nem se questiona isso. O trabalho dele agrada", disse Andrés, destacando o bom desempenho do treinador no Brasileirão e a dificuldade de montar o elenco após perder três titulares durante o Paulistão. "Chegar à final não é nada no Brasil", reclamou.

O técnico preferiu não falar de futuro. "Nessa hora, só quero falar sobre o que estou sentindo e é uma dor enorme por ter perdido o título. Está doendo para todo corintiano, para minha família, porém quero ter a grandeza de reconhecer o outro lado, que teve mérito numa final de 180 minutos equilibrados."

Para o Brasileirão, última competição dele como presidente do Corinthians, Andrés anunciou a chegada de dois reforços: o atacante Gilberto, campeão pernambucano com o Santa Cruz, e o volante Adenilson, do Caxias. "Desde o final do ano passado estamos tentando contratar. O Liedson demorou cinco meses, o Alex também. Estamos tentando o Seedorf e dois, três, quatro jogadores de nível A estão por vir"

Quem está muito perto de sair é Dentinho, que tem proposta do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. "É difícil falar. Ainda está negociando, ainda estão acertando", revelou o atacante. "Se foi minha última partida, não foi do jeito que eu queria."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.