Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Andrés diz que gramado de Itaquera passará por reforma de 30 dias após Paulistão

Presidente do Corinthians admite que foi erro não reformar o gramado no início da temporada

João Prata, O Estado de S.Paulo

09 de abril de 2019 | 04h30

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, avisou que o gramado em Itaquera não estará em suas melhores condições para a final do Campeonato Paulista. Ele informou que após a competição estadual, o campo passará por uma reforma que demorará 30 dias.

"Vamos ter de acabar o Paulista e reformar o gramado. Não é por causa da Copa América. O gramado depois dos caminhões ficou ruim, erramos de não parar e reformar no fim do ano e agora tem de consertar. A empresa responsável disse que o prazo é de 30 dias", comentou.

O Corinthians enfrentará o São Paulo na decisão do Estadual, sendo o primeiro jogo no Morumbi e o segundo em Itaquera. Para o Brasileirão, Andrés disse que ainda não sabe onde o time mandará os primeiros jogos. "Vamos ver ainda", disse.

O Pacaembu ainda não tem autorização para receber jogos à noite no Brasileirão, porque os refletores não emitem luz o suficiente para o padrão da competição.

Sobre a classificação à final, Andrés lamentou a atuação do time. "Corinthians foi muito mal. Um dos piores jogos que vi da história. Não merecíamos ter classificado, mas fomos competentes nos pênalts e classicamos", analisou

"Contra o São Paulo tem de jogar muito melhor do que foi contra o Santos. O São Paulo vem numa ascendência e hoje realmente jogador e comissão tem de saber que não estamos bem", opinou. "Mas clássico não tem favorito. São dois times grandes, de camisas pesadas e vamos ver quem vai sair campeão", finalizou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.