Andrés Sanchez garante que Roberto Carlos já é do Corinthians

Presidente do clube espera a chegada do lateral-esquerdo em janeiro; 'A vontade dele é estar aqui', disse

AE, Agencia Estado

15 Dezembro 2009 | 13h03

O presidente Andrés Sanchez voltou a afirmar que o lateral-esquerdo Roberto Carlos será um dos reforços do Corinthians em 2010. Nesta terça-feira, o diário esportivo espanhol Marca disse que o defensor se ofereceu ao Real Madrid para a vaga do lesionado Pepe.

Mas o dirigente refutou a possibilidade, revelando que o Corinthians irá receber uma compensação financeira caso a chegada de Roberto Carlos ao Corinthians, já anunciada pelo próprio jogador, não se concretize.

"Se o Real Madrid depositar R$ 22 milhões, ele pode ficar por lá. Ele está apalavrado, não assinou porque só rescindiu o contrato na Turquia hoje [terça-feira]. Ele vai se apresentar no Corinthians no dia 3 ou 4", afirmou o dirigente, em entrevista à TV Bandeirantes.

Andrés disse não acreditar que Roberto Carlos tenha o interesse de voltar ao Real Madrid neste momento. "Pelo que eu falei com o Roberto Carlos, ele não disse isso. Ele tem um acordo com o Real Madrid para ser dirigente quando parar de jogar. Tenho certeza que a vontade dele é estar aqui", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.