Anelka teria ofendido Domenech no intervalo do jogo entre França e México

A seleção francesa perdeu por 2 a 0 e pode ser eliminada ainda na primeira fase da competição

Efe

19 de junho de 2010 | 06h21

O atacante francês Nicolas Anelka teria xingado seu técnico, Raymond Domenech, no intervalo do jogo entre França e México - que terminou com vitória mexicana por 2 a 0 - da quinta-feira, 17, de acordo com o jornal francês 'L'Équipe'.

 

Veja também:

especial CRONOLOGIA: Copa, dia a dia

tabela TABELA - Jogos | Classificação | Simulador |

 

O insulto aconteceu no vestiário depois que o técnico reprovou o atacante por sua posição no esquema da equipe, que considerou como insuficiente no ataque.

 

Anelka mostrou seu desacordo com Domenech e o técnico ameaçou deixá-lo no banco. Então o jogador do Chelsea pronunciou o insulto na frente de seus companheiros e o técnico sentenciou: "Está bem, você está fora".

 

O jogador ficou no vestiário após o intervalo substituído por Pierre-Alain Gignac. Os enviados do jornal asseguram que após a derrota da equipe para o México, Anelka exibiu uma atitude displicente, como se o fracasso não fosse com ele.

 

 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.