Divulgação
Divulgação

Antes de seu 100º jogo, Fagner vê Corinthians como o 'mais visado'

'Vão começar a secar muito mais', diz lateral direito alvinegro

RAPHAEL RAMOS, Estadão Conteúdo

14 Agosto 2015 | 19h18

Para o lateral-direito Fagner, o Corinthians passou a ser o time mais visado do Campeonato Brasileiro depois que assumiu a liderança da competição. Agora, segundo o jogador, os adversários passarão a torcer contra a equipe. Domingo, o alvinegro defenderá a ponta da tabela contra o Avaí, em Florianópolis. A equipe tem 37 pontos, contra 36 do Atlético-MG, vice-líder.

"É uma responsabilidade muito grande, você passa a ser muito mais visado. De certa forma, todo mundo vai começar a secar um pouco mais. O mais importante é tentar repetir padrão para continuar na primeira colocação", disse o lateral.

Fagner diz ser fundamental o Corinthians terminar o primeiro turno na liderança. "É importante ter uma boa margem para o quinto colocado e ficar entre os quatro primeiros. O campeonato começa a se resolver nas últimas 10, 12 rodadas. Quanto mais próximo estiver do topo, melhor", disse.

O lateral completará no domingo o seu 100º jogo pelo Corinthians, somando duas passagens pelo Parque São Jorge. A sua estreia foi no Campeonato Brasileiro de 2006, contra o Fortaleza. O técnico era Emerson Leão.

"Fico muito feliz por alcançar essa marca. Espero alcançar marcas maiores no clube, mas vai ser um jogo especial. O mais importante é nossa equipe manter padrão e fazer um grande jogo. Para mim será um jogo especial pela marca, mas em campo é tentar esquecer isso", disse.

O lateral-esquerdo Uendel não treinou nesta sexta-feira e é dúvida para a partida de domingo. O jogador está com um edema no músculo adutor da coxa direita e será reavaliado no sábado pela manhã. Se não tiver condições de jogo, Guilherme Arana deverá ser o seu substituto. Na zaga, Felipe volta de suspensão e Edu Dracena vai para o banco.

Mais conteúdo sobre:
futebolCorinthiansBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.