Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Antônio Carlos defende estilo de jogo do Palmeiras: '1 a 0 é goleada'

Zagueiro destaca o momento positivo do time, como a sequência de vitórias nos últimos compromissos

Redação, O Estado de S. Paulo

28 de maio de 2019 | 16h10

O zagueiro Antônio Carlos, do Palmeiras, contou nesta terça-feira que o time tem comemorado a sequência de vitórias pelo placar de 1 a 0, sem se importar com possíveis críticas sobre o estilo de jogo. Em entrevista coletiva na Academia de Futebol, o defensor explicou que para o clube o importante é somar pontos, sem se preocupar em dar espetáculo.

Antônio Carlos repercutiu na entrevista a declaração dada pelo volante Felipe Melo na última segunda-feira ao canal SporTV. Felipe explicou que após a vitória sobre o Botafogo por 1 a 0, no último sábado, o técnico Luiz Felipe Scolari cumprimentou a todos e citou que o placar foi uma goleada, opinião que recebeu o apoio do zagueiro palmeirense.

"Ganhar por 1 a 0 são três pontos. Se fizermos sempre isso e conquistarmos o máximo de pontos é bastante importante. O professor Felipão está corretíssimo de dizer que 1 a 0 também é goleada", completou. Nos seis últimos jogos, o Palmeiras ganhou quatro vezes por 1 a 0. Uma dessas partidas foi contra o Sampaio Corrêa, adversário que reencontra na quinta-feira, no Allianz Parque, pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

O zagueiro afirmou que apesar dos placares magros, a equipe tem conquistado as vitórias por ter uma marcação forte. "Desde o começo do trabalho do Felipão ele tem esse negócio da defesa muito forte e tomar menos gols, ou não tomar gols. É muito mais fácil quando o Dudu aperta o lateral antes de cruzar uma bola na área, ou o Deyverson está dá bote nos volantes. É um parâmetro da equipe, todo mundo estar correndo e se doando, isso é bastante importante", disse.

O próximo compromisso do Palmeiras será nesta quinta-feira, contra o Sampaio Corrêa. Após ganhar por 1 a 0 no jogo de ida, o time joga por um empate para se classificar. Em caso de derrota por um gol de diferença, a definição será nos pênaltis.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasCopa do Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.