Antônio Carlos está de volta no Santos

Após praticamente cinco meses afastado do futebol, o zagueiro Antônio Carlos está de volta. Duas contusões seguidas atrapalharam o fim de ano e o início de 2005 do veterano. Em setembro, Antônio Carlos sofreu um rompimento do tendão adutor da coxa esquerda. Só voltou a treinar com bola em dezembro, quando o Santos disputava ponto a ponto o título com o Atlético Paranaense. O ano começou e logo na estréia do time da Vila Belmiro no Campeonato Paulista, contra a Portuguesa, o zagueiro voltou a sofrer. Uma lesão idêntica, só que na coxa direita."Foi triste. Nunca tinha sofrida nenhum tipo de lesão muscular, apenas fratura. E no período curto eu sofri duas lesões idênticas. Sabia das dificuldades de recuperação e espero que esteja pronto o mais rápido possível para ajudar no Santos na reta final do Paulistão e no returno da primeira fase da Libertadores", promete.Nesta quarta-feira, Antônio Carlos parecia um garoto. Depois de muito tempo, ele treinou com o restante do grupo. Fez os mesmos exercícios e deixou o campo feliz da vida. "É um recomeço para mim aqui no Santos. Ainda quero ajudar esse clube a conquistar muitos títulos", garante.O zagueiro ainda prevê mais duas semanas de adaptação para ter condições de jogo. "Ainda não tenho confiança. Foram três semanas só correndo em volta do campo. Acho que se somar tudo dá a distância daqui (Extrema) até Prudente, a minha cidade", brincou. Nas duas primeiras semanas, o veterano corria seis quilômetros por dia, além de sessões de musculação para reforçar as duas pernas."É claro que não me falta vontade, mas também não posso ir com muita sede ao pote. Mas do jeito que é realizada a cirurgia, não existe nenhuma chance de acontecer uma nova lesão. Os caras amarraram a minha coxa inteira", exagera.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.